domingo, 10 de julho de 2011

Porque me tornei ateu (parte 5): “Deus não paga minhas contas”!




Por: Marcio Alves

Não posso negar que em parte eu sou ateu porque quero também, mas o grande “responsável” disto é o próprio Deus, pois por não ver necessidade e lógica de um criador para o mundo, nem de um sustentador como se acreditava na época dos mitos como explicação dos fenômenos até então desconhecidos pelo homem que na ausência da ciência necessitava criar explicações para o mundo vivido por eles, muito embora a ciência hoje não consiga dar contar de explicar tudo, mas e a religião consegue?

Sendo que a ciência tem métodos e objetivos de investigações empíricos que podem ser testados, e todo um corpo histórico de estudiosos com suas pesquisas, claro que como todo saber humano não é infalível, mas esta no caminho certo, pois procura por evidencias e questiona tudo, ao contrário da religião que afirma tudo na base da crença ilusória.

Ora, as plantações nascem não porque tem uma divindade que faz elas brotarem e crescerem, mas há todo um processo natural de plantio, irrigação e colheita...como a gravidez não sucede também por simples mágica espiritual de algum Ser mágico – ou você meu caro leitor cristão acha ainda que Jesus nasceu porque o seu pai Jeová deu uma pimbada na Maria, sendo o seu esperma o Espírito santo? José seria então corno de Deus?

Inclusive as catástrofes que arrasam vilas, cidades e até países inteiros, como furação, terremoto, vulcão, enchente e tsunami não são castigos punitivos de algum “Deus” cruel e bárbaro que irado com os pecados dos homens que não conseguem não pecar porque sua natureza é feita de desejos e maldades, tem prazer em fazer o homem tão insignificante sofrer, não tendo nada mais importante a fazer no universo.

Não vi ao contrario de quem fecha os olhos para a realidade, Deus de alguma maneira intervindo no mundo e nem muito menos na minha vidinha ordinária.

Pois para acreditar que Deus me deu uma vaga de emprego, onde eu concorria com 5 outras pessoas, eu teria que ignorar fatos gritantes como minha própria capacidade intelectual e força de vontade, alem de pensar que as outras pessoas precisavam do emprego tanto quanto eu, e que milhões morrem no mundo na mais profunda miséria sem uma ajudinha do “criador”....como poderia ter melhor sorte então do que o resto dos mortais?

Mas enfim, como não vi e ainda não vejo necessidade de Deus na minha vida, pois tudo que me acontece, acontece não a mando de algum ser superior, mas, ou por causa da vida com suas intermináveis contingências ou mesmo por minha causa, “Deus” para mim não existe, pois sua presença não é por mim notada no meu dia a dia, até porque, se eu não acordar cedo, pegar ônibus lotado, enfrentar um transito enlouquecedor de São Paulo, derramar meu suor gastando minhas energias, e só voltado para casa no final da tarde já a noite, “Deus não vai descer do céu” para pagar a minha conta e por na minha mesa minha comida...ou você acha que vai?

Então para que preciso de Deus? Para que acreditar em Deus? Deus e nada é a mesma coisa....ou você acha que tem diferença?

Sem contar que todos os testemunhos “verídicos” que pude ter noticia e acompanhar de perto, não tiveram a ação pura de “Deus”, são sempre acompanhadas por tratamento da medicina – no caso das doenças ou acidentes – ou pela capacidade e força de vontade humana – no caso de emprego ou passar no vestibular.

“Deus curar” dor de cabeça, nariz, costa é fácil, eu quero ver curar, por exemplo, amputados ou crianças com síndrome de Danw, ou seja, doenças visíveis e não simplesmente os sintomas como ocorre por causa do ambiente manipulatorio das igrejas que auto-sugestiona os crédulos e ingênuos.

Pode ter certeza meu caro leitor, que se um dia você ficar doente é preferível esperar pela medicina e ter “fé” que os médicos através de longos estudos consigam encontrar cura para a sua doença, caso seja até então incurável, do que por Deus, porque os médicos pelo menos são reais mas e Deus?

42 comentários:

  1. Eu posso até entender sua revolta contra Deus e sua soberania... Posso entender suas dúvidas nas ações dEle na vida de pessoas, seja através de cura física ou sustento; posso até mesmo entender o fato de tudo parecer acontecer pelo eforço de nossas mãos e por puro acaso. Mas não consigo conciliar a lógica de se viver neste mundo de forma digna se nada mais existe alem daqui... Pra quê tanto esforço? Se você proceder bem ou mal receberá a mesma recompensa: a morte e sua inexistência. Para que deixar algo neste mundo pro futuro do qual não se fará parte? Ser lembrado por gerações pelos seus feitos serão de alguma valia no túmulo? Pra que lógica, se a mesma morrerá e de nada valerá nos poucos anos que passarmos sobre a face deste planeta? Fazer o bem requer muito esforço. Amar também. Por que não preferir o mais fácil? Mas a maioria das pessoas preferem o "bem", porque? Qual vantagem se nada lhes será cobrado por suas ações e pensamentos? Se o final é a morte e, então, inexistência,, só nos resta a deseperança, e a certeza de que tudo foi em vão, seja bem ou mal!

    ResponderExcluir
  2. Impressionante como muitos religiosos usam o mesmo argumento deste primeiro comentário.

    Será mesmo que é preciso ter algum motivo para agir CERTO? Será que agir CERTO por ser CERTO é tão absurdo assim?

    Pergunto a você, Koynonia, e a qualquer outro que use o mesmo argumento: quem é um ser humano melhor, um ateu que vive pelo bem "por simples vontade" ou um religioso que vive de boas ações por medo do inferno?

    Se você, aparentemente temente a deus, de uma hora para outra tivesse UMA PROVA de que ele não existe, você sairia por aí estuprando, roubando, matando?

    Isso se chama índole. Ou você é bom, ou não. Se você não comete tais crimes apenas por medo do inverno, acredite, VOCÊ É UMA MÁ PESSOA! Pense nisso.

    Agora, voltando ao post: concordo plenamente! Me revolta ver pessoas gritando "deus é fiel" ou falando "graças a deus", principalmente porque tais pessoas abrem mão do mérito próprio, do que elas mesmas fizeram para merecer o que quer que seja.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Só concordando com o Sandro Ataliba, eu queria reiterar seu comentário:

    A lógica, meu amigo(a) Koynonia (que mais se parece com repartições da igreja Betesda), é que você é uma pessoa interesseira, mas não por sua culpa, lhe condicionaram a isto.

    Lhe ensinaram a barganhar com Deus, lhe mostraram que o céu é conquistado à força, lhe fizeram acreditar que ser bom garante uma vida além túmulo com Deus no paraíso, diferente de mim, Marcio ou Sandro, que já não esperamos mais nada do porvir, e mesmo assim insistimos em continuar a praticar o que consideramos "bem".

    Pouco nos importa se terá algo do lado de lá (e não tem mesmo). Comamos e bebamos pois amanhã certamente morreremos, e já que não terá nada, que sejamos lembrados por sermos ateus bons, de boa ÍNDOLE, como bem salientu o Sandro.

    Também acho que no fundo...no fundo você seja uma pessoa má, perversa, louca para cometer os mais "pecaminosos" atos, mas como todas estas atitudes implicam na perda do céu de ouro, então você vive esta vida inaltêntica, tentando controlar este monstro que habita dentro de você.

    Desista, cedo ou tarde o nosso verdadeiro caráter aflora, enetão saberá se ele é bom ou mal.

    Abraços Koynonia e Sandro

    ResponderExcluir
  4. Anônimo disse...Oi Marcio
    "muito embora a ciência hoje não consiga dar contar de explicar tudo, mas e a religião consegue?"

    A ciência não explca, mas você perdoa e continua esperando por ela. A religião não te respondeu o que você quer que Ele responda, você passou a odiar Deus.

    Realmente querido, muita coisa a ciência não responde e ficaremos quem sabe quanto tempo sem resposta ou se a teremos... No entanto, aquilo que eu vivencio a ciência não pode arrancar de mim ou me dizer que é imaginação, porque é tão real como a minha própria existência.

    Beijão.

    10 de julho de 2011 23:27

    ResponderExcluir
  5. Marcinho, ateu jamais você foi ou será.

    Se os homens fossem responsáveis com o mundo criado, teríamos outra vida, mas graças a Deus que existem os Edson Teixeira, hoje no mundo, que junto a muitos outros já salvaram 19 mil crianças na India, comprando-as por 50 dólares para que elas não sejam vendidas a monstros que depois de as usarem até os 13 anos descartam-nas e elas se suicidam, porque já estão quase destruídas. Assim, eles compram elas e oferecem-lhes uma vida digna.
    Não é Deus meu querido, que vai descer do céu e fazer o que nós temos que fazer, se milhares decidissem por dizer não a sua natureza maldosa e optassem pelo bem como tantos, o mundo seria habitável.

    O Edson foi uma pessoa que passou pela famosa FEBEM, já comeu literalmente o pão que o diabo amassou, mas optou por levar outros a uma vida melhor. Eu o ouvi hoje.

    Quanto mais amargura no seu coração, menos feliz você será e o pior que vai passar toda esta "azia" para seu pequeno. Você pode ser feliz e levar esta esperança para outros.
    Beijão.

    ResponderExcluir
  6. Por que todos os ateus acham que o cristianismo se baseia em sensações, sentimentos ou experiências? O cristianismo se baseia em fatos. E o maior deles é o túmulo vazio. Ah, e não confunda cristianismo com religião. Religião é toda tentativa do homem encontrar ou se achegar a Deus. É por isso que as religiões não precisam de provas. As pessoas entram nelas por acharem que é dessa ou daquela forma que se chega a Deus.
    Já o cristianismo é Deus vindo em direção ao homem. É por isso que, diferente das religiões, o cristianismo é baseado em fatos, não em histórias contadas, ou simples livros escritos.

    ResponderExcluir
  7. Ola Marcio Ate, ate que por ser um ateu vc fala muito de Deus, isso me leva acreditar que vc sabe que ele existe e apenas não confia nele.
    Bom cho apenas que vc deveria respeitar a fé dos que crem em Deus e não falar de Deus da forma que fala.
    Vc esta sendo um tando ou muito vulgar ao falar de Deus ainda mais quando fala a respeito de relação homem e mulher.
    Na minha opnião vc tem direito de ser oq vc quiser e as outras pesoas também.
    Então respeite a crença dos outros e o Deus a quem muitos servem.

    ResponderExcluir
  8. Paulo Gesio
    nosomosdejesus.blogspot.com

    Ola Marcio Ate, ate que por ser um ateu vc fala muito de Deus, isso me leva acreditar que vc sabe que ele existe e apenas não confia nele.
    Bom cho apenas que vc deveria respeitar a fé dos que crem em Deus e não falar de Deus da forma que fala.
    Vc esta sendo um tando ou muito vulgar ao falar de Deus ainda mais quando fala a respeito de relação homem e mulher.
    Na minha opnião vc tem direito de ser oq vc quiser e as outras pesoas também.
    Então respeite a crença dos outros e o Deus a quem muitos servem.

    nosomosdejesus.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. vou apenas deixar uma sugestao para voce... o livro "O delírio de Dawkins", link:
    http://www.mundocristao.com.br/produtosdet.asp?cod_produto=10565&cod_categoria=6

    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. KOYNONIA

    Este é o drama humano, pois se tudo acaba aqui qual o sentido de tudo então?

    Por isso que a vida não tem “O” sentido e “nenhum” sentido pré-determinado, mas somos nós que damos para nossas vidas, e isto é particular, pois se você perguntar para 100 pessoas qual o sentido da vida, elas irão provavelmente responder cada uma de maneira diferente.

    Quanto a fazer o “bem” e o “mal” enquanto ainda em vida, também não importa, pois com a morte toda somatória que nós fizermos em vida, o resultado sempre no final é zero.....por isso viva do jeito que bem quiseres e desejares.

    Quanto às pessoas em geral serem muito mais pessoas do “bem” do que do “mal”, isto se dá por causa da maquiagem moral que todos nós recebemos de nossos familiares como sociedade, sendo o castigo e o premio nessa vida como na do porvir (religião) a mola propulsora das “boas” ações humanas...no fundo o que todo ser humano é: interesseiro e inteligente, só isso, não existindo bondade puramente altruísta.

    Abraços e seja bem vindo sempre!

    ResponderExcluir
  11. Mano SANDRO

    Mais uma vez seja bem vindo aos nossos debates!

    O ateu que busca “viver certo” difere do crente que também procura “viver certo” apenas no quesito tempo; o ateu “vive certo” com medo da punição no “aqui e agora”, como também pelo premio de ser bem visto na sociedade. Já o crente pela ilusão do paraíso prometido como também escape da condenação eterna do inferno.

    Dos dois, o mais inteligente é o ateu, pois a pior punição e melhor premiação são do “aqui e agora”, no nosso mundo existente, pois o outro não passa de puro engano!

    Quanto aos crentes que se deixarem de acreditar em deus, céu e inferno, saírem por ai cometendo os piores delitos e atrocidades por justamente não acreditarem mais na suas crenças, eu recomendo então: continue crendo pelo bem da humanidade!

    Abraços “véio”!

    ResponderExcluir
  12. GUIOMAR

    Não queiras comparar os beneficios que a ciência trouxe e ainda trás para a humanidade com as fantasias, neuroses e culpas provocadas pela religião.

    De novo, eu vou ter que te falar que eu não tenho ódio de deus, pelo simples fato dele não existir?

    Como posso odiar uma coisa que não existe?

    Sinceramente GUIOMAR, não sei o que é pior, odiar ou amar a deus, pois as duas coisas são loucuras, aja visto deus não ser real!

    Interessante é que o manicômio esta cheio de loucos que se dizem serem super heróis ou importantes reis e pessoas famosas da humanidade que de fato existiram ou existem, mas a sociedade não interna ninguém que se diz ter um encontro, onde conversa ouvindo a voz de um ser que nunca existiu!

    Abraços

    ResponderExcluir
  13. ANONIMO 1

    Que tumulo vazio? Você estava lá? O que prova um tumulo vazio, se de fato os escritos dos evangelhos forem verdadeiros? Os discípulos muito bem podiam ter retirado o corpo a tempo....isto não prova nada.

    Além do mais, todas as fontes daquela época sobre Jesus serem todas cristãs, e isto põe em xeque a autenticidade ou não?

    Então quer dizer que o cristianismo não é religião?
    Então me responda uma coisa....o cristianismo tem templos? Têm cultos? Tem sacerdotes? Tem crenças? É, realmente o cristianismo não é uma religião e você foi o primeiro a descobrir isto......

    Abraços seja que for.......

    ResponderExcluir
  14. PAULO GESIO

    Que surpresa! Você tinha sumido, pensei que tinha desistido de me converter, e salvar a minha pobre alma das garras do diabo e da condenação do fogo do inferno....ufa que alivio!!!

    Bem, falar muito sobre deus não quer dizer que eu creia em deus, mas antes, que eu realmente queira provocar e “desconverter” aqueles que acreditam em deus.

    Sabe porque eu falo de deus assim? É porque deus não existe, então eu posso dizer o que quiser, diferente se fosse uma pessoa, ai eu poderia ser até processado. Rsrsrsrs

    Abraços

    ResponderExcluir
  15. Túmulo vazio como prova do quê?

    De que ele não morreu? (a)

    De que oa discupulos o esconderam? (b)

    De que ressuscitou? (c)

    Prova de que não temos provas? (d)


    Por favor Caro anônimo, este foi o pior argumento que já ouvi para textificar alguma coisa.

    Só perdeu para seu outro depoimento, a saber: "Cristianismo não é religiao"

    Abraços anônimo

    Ps Meu nome é Moura...Edson Moura

    ResponderExcluir
  16. Marcinho, "Não queiras comparar os beneficios que a ciência trouxe e ainda trás para a humanidade com as fantasias, neuroses e culpas provocadas pela religião"

    Estes benefícios aqui ficam, mas os que recebemos de Deus acompanham-nos para a eternidade. Além de que a ciência não existe sem o homem e como o homem se equivoca tanto, nem sempre podemos confiar em todas as afirmações científicas.

    Meu amigo seu ensaio é um grito contra Deus, mas você teima em negar que crer nele.
    Sou perfeitamente sã, graças a Deus e ouço a voz de Deus e sou dirigida por Ele e sou feliz.
    Assim, posso levar outros a felicidade através do conhecimento de Deus.

    Te amo.

    ResponderExcluir
  17. Quero te parabenizar pela força e coragem por ser ateu(Conseguir deixar toda a filosofia, o conceito de vida, sem falar em paradigmas e ideologias, de lado é ter muita força. Dizer não para Deus é o mesmo que ir contra toda a sociedade, ou a parte dominante.)

    Sou agnóstico deísta, então concordo com você em alguns pontos. Porém negar a existência de um ser superior é o mesmo que se fazer de cego, pois acho muito difícil que o mundo tenha aparecido aqui por acaso, alguém o criou. Se é Deus, se é o Diabo, ou o papai Noel ai é outra coisa, se interfere em nossas vidas aqui ou se nos observa de longe também já é outra pauta, mas sua existência é lógica.

    Agora referindo-me a Deus(Bíblico, Jeova) acredito que tem muitas coisas sem explicação referente a isso, experiências que muitos vivenciaram e não conseguem explicar pode até ser fruto de sua imaginação, mas que isso é uma boa mentira é. Acho até que você poderia usar do argumento mais clichê dos ateus sobre a não existência de Deus, o fato de terem inventado a bíblia e Deus para prender as pessoas, para impor regras a sociedade e não deixar que o mundo fosse de psicopatas sem empatia.

    Há um outro ponto interessante em relação a tudo isso que é o fato de cada religião ter sua doutrina, cada religião ter sua própria bíblia. E como meu amigo Nietzsche disse em " O Anticristo" Deus é para os pobres e miseráveis, que com sua bondade e misericórdia se torna um povo fraco.

    ResponderExcluir
  18. Olá Edson!!
    É impressionante como vocês se apegam a detalhes tão bobos, como por exemplo o fato de eu ter postado a minha mensagem como anônimo. Foi a única maneira que consegui. Meu nome é Raquel.
    Mas vamos lá.
    O túmulo vazio, prova sim que algo sobrenatural aconteceu. O evento mais fantástico da história!!!
    Ah, antes que eu me esqueça, lá está escrito: Ele não está aqui, porque ressuscitou!
    (a) Ele não morreu? depois de ser açoitado, crucificado, ter o seu lado aberto com uma espada e testemunhas disserem que saiu “sangue e água”, o que é um sinal de morte; quatro executores confirmarem a sua morte e ficar três dias no túmulo. Depois de tudo isso Ele não morreu? desmaiou? e depois disso tudo saiu andando do túmulo??? ah ta, antes claro, empurrou a pedra de quase 2 toneladas. Três dias no túmulo fizeram muito bem a Ele, não? podíamos usar esse tratamento nos nossos dias, que tal?
    (b) os discípulos o esconderam? Os judeus já esperavam por essa possibilidade, então pediram a Pilatos uma guarda para guardar o túmulo. Os discípulos enfrentaram essa guarda de soldados treinados?
    (c) sim, que Ele ressuscitou.
    (d) temos muitas provas, mas acho que vocês não querem provas. Como o Marcio mesmo falou: "Não posso negar que em parte eu sou ateu porque quero". Foi uma escolha dele. E creio que essa escolha aconteceu não tanto por duvidar da existência de Deus, mas sim por discordar das coisas serem como são. Do mundo estar como está. Da vida não ser como ele gostaria que fosse. Das igrejas não serem o que deveriam ser. Também já me decepcionei com igrejas. Mas não confunda igrejas com Deus! Está cada vez mais difícil encontrar igrejas que preguem o verdadeiro evangelho de Cristo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mulheres sangram todo mês e no entanto isso não é um sinal de morte...

      Excluir
  19. GUIOMAR

    Sua fala: “Estes benefícios aqui ficam, mas os que recebemos de Deus acompanham-nos para a eternidade”

    Minha resposta: Que garantias palpáveis você tem de que isto é um fato e não uma simples ilusão?
    Já sei, você vai me falar que o próprio deus desceu do céu, veio especialmente até a sua casa, sentou contigo em sua mesa, tomou um chá e disse que se você o servir-se, você iria morar em mansões de ouro e jaspe, que aqui na terra não importava o tamanho do seu sofrimento, pois lá no céu, deus lhe preparou um lugar que não existe sofrimento, que irá reparar todos os danos sofridos aqui....não foi isto?
    Só mais uma perguntinha: se de fato você acredita tanto que lá vai ser melhor que aqui, porque não morre logo?

    É GUIOMAR, como psicólogo eu te recomendo passar no psiquiatra, pois a sua esquizofrenia esta muito avançada, de tal modo que só o tratamento psicológico não resolveria, precisaria de medicamentos também.

    Abraços

    ResponderExcluir
  20. HENRIQUE

    É um imenso prazer receber sua presença em nossa sala do pensamento.
    Seja sempre muito bem vindo e recebido.

    Não acho que ser ateu hoje, digo hoje, seja coragem, como se o fato de ser ateu fosse extraordinário, pois o ateísmo já é meio que obvio e comum, talvez até chique, diferente de cem ou duzentos anos atrás.....mas com todas essas informações e evoluções cientificas, a pessoa tem que ser muito burra ou desonesta para ainda ser de uma determinada religião...não achas?

    Diferente do agnosticismo deísta de muitos filósofos que ai é outra coisa.....talvez, eu chamaria de ficar em cima do muro, pois nem afirma como também não nega a existência de deus.

    Eu te pergunto: qual é o mais honesto, sensato e racional, acreditar em deus até que provem algum dia que ele não existe (nunca! pois se ele não existe, não tem como provar que não existe!) ou não acreditar, até que um dia provem que ele de fato existe (pois se existe, tem como provar um dia que ele existe!) ?

    Você diz que o mundo é muito difícil ter surgido do acaso, alguém deve ter o criado, mas eu lhe pergunto: se é difícil admitir a hipótese do mundo ter sido um mero acidente da matéria, e deus, não seria tão ou mais absurdo, pois surgiu do nada para simplesmente em um passe de mágica criar tudo?

    No mais, concordo contigo, pois a minha descrença foi provocada pela própria crença!

    Abraços e aguardo suas respostas........

    ResponderExcluir
  21. Oi RAQUEL

    Então quer dizer que você era o ANONIMO? Me lembro que você me disse por e-mail que não estava conseguindo comentar com seu nome, ai eu dei a idéia de você comentar como anônima...então nos desculpe – eu e o Edson.

    Mas dá próxima vez, tente escrever o seu nome no comentário, é que direto aparecem anônimos por aqui que não dão seus nomes.

    Bem, em relação ao seu comentário, eu tenho duas coisas para te falar:
    A primeira é que você comentou o comentário do Edson, mas não respondeu meu comentário....se lembra? Da religião e do tumulo vazio....estou esperando. Rsrsrs

    Em segundo lugar, diante de tudo que você falou, um simples argumento eu tenho para te dizer: o problema da prova permanece a mesma, pois é a própria bíblia que prova e não outros documentos, se não os dos próprios cristãos e não de outras fontes neutras e imparciais.

    Abraços

    ResponderExcluir
  22. Os paradigmas científicos mudam de acordo com o avanço do conhecimento humano, por exemplo a definição de luz e fonte luminosa. Com a invenção de novas ferramentas, mudança de ótica (ponto de vista), novos conceitos e outras combinações destas.
    O conceito bíblico de Deus é que Ele é IMUTÁVEL, mas não questionável (vemos vários exemplos na Bíblia em Abraão, Isaque, Elias, Maria e outros), com resultados positivos ou negativos dependendo da "lógica" dos argumentos de questionamento, o que nos mostra que Deus é também lógico.
    É claro que isto (lógica) é para o entendermos, pois se fora o "Faz o que mando e fica de boca fechada", seria um deus tirano.
    Quanto aos milagres... As ressurreições tanto no VT e no NT foram invenções? Fruto de mentes que foram programadas por algum lider religioso (tipo Valdemiro ou RR) para pensar apenas dentro de uma caixinha pequeniníssima e ainda com uma viseira ao lado de ambos os olhos tipo burrinho?
    Não creio que isso seja possível, o povo do contexto é muiiiiitooooo incrédulo, até mesmos os mais íntimos de Jesus são apanhados em muitas incredulidades absurdas, então não vejo como esse embuste pode ser produzido, teria de haver uma mente muito malígna para isso...
    Deus existe e se manifesta sim, na História humana, mas não é nosso garçom (de churrascaria) como muitos o descrevem, um bando de gente interessada em "se dar bem" e não fazem nada pelo próximo, só lhes arrancam grana, e grana a rodo.

    ResponderExcluir
  23. P.S. leia-se no comentário anterior, INQUESTIONAVEL (ou seja, pode ser questionado), jamais proibiu isto.

    ResponderExcluir
  24. Raquel, primeiramente desculpe-me pela grosseria, mas eu não gsto de pessoas que comentam como anônimo, por asso agi assim. É que, por dar a min ha cara pra bater, gostaria que no mínimo fizessem o mesmo. Mas a culpa é do Marcio que não me avisou sobre sua existência.

    Mas vamos ao que interessa. Minha primeira questão você responde assim:

    (a) Ele não morreu? depois de ser açoitado, crucificado, ter o seu lado aberto com uma espada e testemunhas disserem que saiu “sangue e água”, o que é um sinal de morte; quatro executores confirmarem a sua morte e ficar três dias no túmulo. Depois de tudo isso Ele não morreu? desmaiou? e depois disso tudo saiu andando do túmulo??? ah ta, antes claro, empurrou a pedra de quase 2 toneladas. Três dias no túmulo fizeram muito bem a Ele, não? podíamos usar esse tratamento nos nossos dias, que tal?

    Minha resposta:

    Bom, se formos partir do pressuposto de que Jesus era mesmo um deus, então ele poderia sim, afastar a pedra, bater nos guardas, resistir aos ferimentos e etc... Ou não?

    Portanto seu argumento não é válido como prova, pois você mesmo acabou se comprometendo ao dizer, ou melhor, ao deixar a entender que jesus nunca poderia fazer tais coisas, aliás, nenhum homem poderia.

    ResponderExcluir
  25. Raquel, continuando...

    Minha questão (b)você responde da seguinte forma:

    (b) os discípulos o esconderam? Os judeus já esperavam por essa possibilidade, então pediram a Pilatos uma guarda para guardar o túmulo. Os discípulos enfrentaram essa guarda de soldados treinados?

    Minha resposta:

    Raquel, a única base que voc}e usa é Bíblia estou certo? Mas você sabia que a Bíblia foi escrita, ou melhor, compilada, por Constantino, que diga-se de passagem era um imperador pagão? E não adianta dizer que ele se converteu, pois este fato não é verdade.

    Constantino foi um político, e como todo "bom" político ele percebeu que o melhor para manter o povo "unido", era instaurar uma única religião, sendo assim ele reuniu muito das histórias dos Judeus, e também dos pagãos, e voalá, temos um livro sagrado, perfeitamente modificado para que agradasse a "gregos e troianos".

    Sendo assim raquel, eu nunca poderia aceitar a Bíblia como única fonte de provas para a existência de Deus e para a divindade de Jesus. Observe que eu não nego a exist~encia de Jesus e sim a sua divindade e todos os milagres por ele operado.

    ResponderExcluir
  26. Raquel, quantos às questões (c) e (d), bom, a única prova que você tem da ressureição é a sua fé, e contra esta e não vou lutar, isto tem que partir de você, assim como eu e o Marcio, em não querer acreditar em algo que o seu cérebro racional insiste em te dizer que é loucura, que é absurdo, que é mentira.

    Agora, se você realmente tem provas, gostaria de conhecê-las, pois eu certamente acreditaria.

    Abraços Raquel

    ResponderExcluir
  27. kkkkkkkkkkkkkkkk Marcinho, você me fez da boas gargalhadas. Eu não sabia que você já é psicólogo. Espero que seja muito bom, porque conheço vários, mas são mais enfermos que os pacientes rsrs

    Deus não veio dos céus tomar um chá comigo. Ele está todos os dias comigo. Ele está presente todas as horas.

    "Que garantias palpáveis você tem de que isto é um fato e não uma simples ilusão?"

    Eu te faço a mesma pergunta: Que garantias palpáveis você tem que isto NÃO é um fato, mas uma ilusão?

    A minha garantia não está escrita na bíblia, não me foi revelada por profecias, nem porque tenha ideia de como será o céu, mas porque Deus tem sido vivo na minha vida diária. O Reino dEle começou aqui dentro de mim, nesta terrinha cheia de sofrimento, provocados pelas nossas próprias insensatez.

    Eu não te diria que você necessita de remédios, mas sim de saúde emocional e espiritual, suas amarguras tem enfermado você demasiado. Você pode se sanar não permitindo tanta amargura no seu coração.

    Eu te amo. Beijão.

    ResponderExcluir
  28. Henrique Abrantes, você disse:" E como meu amigo Nietzsche disse em " O Anticristo" Deus é para os pobres e miseráveis, que com sua bondade e misericórdia se torna um povo fraco."

    Para você, e com você Nietzsche:

    A Oração ao Deus Desconhecido

    Antes de prosseguir em meu caminho e lançar o meu olhar para frente uma vez mais, elevo, só, minhas mãos a Ti na direção de quem eu fujo.

    A Ti, das profundezas de meu coração, tenho dedicado altares festivos para que, em Cada momento, Tua voz me pudesse chamar.

    Sobre esses altares estão gravadas em fogo estas palavras:

    "Ao Deus desconhecido”.

    Seu, sou eu, embora até o presente tenha me associado aos sacrílegos.

    Seu, sou eu, não obstante os laços que me puxam para o abismo.

    Mesmo querendo fugir, sinto-me forçado a servi-lo.

    Eu quero Te conhecer, desconhecido.

    Tu, que me penetras a alma e, qual turbilhão, invades a minha vida.

    Tu, o incompreensível, mas meu semelhante, quero Te conhecer, quero servir só a Ti.

    [Friedrich Nietzsche]

    Espero que você entenda que antes de morrer ele descobriu o DEUS que não foi construído pela religiosidade humana.

    Abraço amigo.

    ResponderExcluir
  29. Dou boas risadas com essa discussão. Eu não sou, de fato, ateu. Na verdade sigo uma crença maluca de que ALGO (e não alguém) criou o universo, ou o "multiverso", como hoje já se faz teoricamente mais provável. Este ALGO pode ser qualquer coisa, até um ponto ínfimo no início da criação. Na verdade, pouco me importa como nosso universo surgiu. Não perco meu tempo com isso. O mais importante para mim é a pergunta "e antes disso?".

    Ainda segundo essa minha "crença", as leis da física deste nosso universo - que, lembremos, podem ser diferentes de um possível universo paralelo - regem tudo o que acontece ao nosso redor. Logo, o karma, por exemplo, é uma possibilidade, já que existem as leis de atração.

    O que me incomoda é essa cegueira provocada pelas religiões, principalmente as derivadas do antigo testamento. Me incomoda mais ainda pois vejo meus alunos, coitados, tão carregados de dogmas que mal sabem que caminho seguir. Ver o mal em tudo não é saudável. Não posso desenhar uma estrela, um raio ou uma pirâmide no quadro que já levanto suspeitas de que sou satanista (sim, já ouvi isso mais de uma vez).

    Assumir que a Bíblia comprova seus próprios escritos é uma aberração que não deveria ser aceita por nenhum ser pensante. É como se eu pegasse um papel, escreve "eu sou Deus" e saísse distribuindo, ordenando a todos que provassem o contrário.

    Eu, de fato, vivo muito melhor desde que aceitei de vez a inexistência deste deus. E continuo fazendo o bem, transmitindo meu conhecimento para os outros, tentando melhorar a vida das pessoas, dar mais oportunidades, ser solícito, etc. E é isso o que me importa. O resto? É blá blá blá.

    Quanto ao túmulo vazio, visite o morro do Alemão, no Rio de Janeiro, que você vai ver vários, o que não significa que todos aqueles "jesuses" ressuscitaram.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  30. GILSON

    Como o deus bíblico é imutável se diversas vez ele muda de idéia?

    Cara é que eu li tantas vezes a bíblia durante tantos anos, que não agüento mais ficar citado versículos ou lendo eles em um debate, pois poderia dar vários exemplos das diversas fabulas onde o tal deus bíblico imutável erra, se arrepende e volta atrás em sua palavra tal como o homem....alias, porque será heim? Rsrsrss

    Se deus se manifesta na historia humana então me prove, não citando fabulas de milhares anos atrás onde o deus dessas historinhas infantis se manifestava, mas quero ver hoje em dia, em nosso mundo atual.....

    Abraços

    ResponderExcluir
  31. GUIOMAR

    Sua fala: “Deus não veio dos céus tomar um chá comigo. Ele está todos os dias comigo. Ele está presente todas as horas”

    Minha resposta: Deixa eu também advinhar...este seu amigo que esta presente em todas as horas ele é também invisível? Onde apenas você o sente?

    Parabéns você acaba de criar em sua mente um amigo imaginário invisível onde somente você conversa com ele e ouve sua voz. Hahahahahhahah

    Eu também te “amo” minha querida, procure urgentemente um psiquiatra.

    Abraços

    ResponderExcluir
  32. SANDRO

    Mano “véio” tu és professor de que meu brother??

    Cara você pode acreditar ou inventar qualquer deus ou deuses, só depende do seu gosto, e pode ficar sossegado porque como não provaram que não existe deus (e nunca provaram, pois não existe!) o seu deus, força, espírito, ou, seja lá o que for, também nunca será....quem sabe você não escreve algumas coisas sobre sua nova crença, deixando arquivado e daqui há centenas de anos ela não vire uma nova religião de peso como o cristianismo.....se acreditaram nas baboseiras da religião cristã, porque irão questionar a sua?? Kkkkkkkkkkkkkkkk

    Abraços mano!

    ResponderExcluir
  33. Tudo que começa a existir tem uma causa.


    A Premissa acima parece ser obviamente verdadeira – No mínimo. Mais do que sua negação.

    Ela esta fundamentada na verdade necessária de nada pode começar a existir não sendo causado por nada.Sugerir que coisas podem simplesmente surgir a todo tempo do nada é liricamente algo pior do que mágica.

    ResponderExcluir
  34. http://www.youtube.com/watch?v=9l4QAq2y2LM&feature=player_embedded#at=120

    ResponderExcluir
  35. Hahahahaha... acho que vou tentar isso. Será que assim ficarei "imortalizado"? Seria eu um possível criador do "Atalibismo"? rs

    Como eu disse, na verdade, pouco me importa no que as pessoas acreditam, desde que isso não interfira na vida social das pessoas.

    Eu sou professor de Português e Inglês, e até postei sobre o problema que tive em um de meus blogs: http://perspiciencia.blogspot.com/2011/01/parte-do-post-de-17-de-novembro-de-2010.html

    Quanto aos demais assuntos eu sou um mero curioso, buscando pontos de vista, exercendo a lógica e a raciocínio, ao invés de simplesmente aceitar tudo o que me é dito com um "sim, senhor". reconheço que a vida assim é mais fácil, deixar na mão "dos outros" a solução de nossos problemas. Mas acho que sou masoquista, por querer eu mesmo resolver os meus.

    Abraço

    ResponderExcluir
  36. Mil veredas há que ainda não foram andadas, mil ilhas escondidas da vida ainda não encontradas. Vigiai e escutai, ó solitários! Do futuro chegam ventos com misteriosas batidas de asas, e para ouvidos finos há boas noticias!
    *******************************Há em nós uma alma que e comunicável com o eterno, pois ela e o eterno! Não existindo nela as medidas da distancia e nem o calendário dos tempos.
    O nosso corpo e fruto do espírito! Em nós está o fruto e quem criou o fruto.
    Não devemos ser um fruto despercebido e extraviado entremeio as folhas, é que não saibamos que estamos suspensos em uma árvore, e que nós também somos partes desta árvore.
    Somos um universo! Onde tudo se encontra.
    Não somos um acaso... E também não estamos aqui por uma coincidência... Em tudo existe um sentido... Em tudo há uma razão de existir. Tudo começou pela sabedoria; e tudo continua acontecendo por uma sabedoria; por um saber que sabe planejar e moldar e criar.
    Nada existe por acaso! Nós não agimos por acaso... Nós sabemos o que fazemos.
    Uma casa não começa pela preparação do lugar e nem pelos cepos... Antes de a casa ser iniciada ela já estava planejada moldada e fotografada por uma sabedoria invisível que se encontra em nós! ANTES DE EXISTIR UMA COISA MATÉRIA... ELA JÁ ESTAVA IDÉIADA MOLDADA E FOTOGRAFADA PELO PODER INVISIVEL... É este poder se encontra em nós. “Mergulhe no teu próprio intimo” Conhece-te ati mesmo!!!

    Modesto Lazzarin.

    ResponderExcluir
  37. PAISES ATEUS SÃO OS MAIS SEGUROS SEM VIOLENCIA M EU SEU COMO ERA BOM OS ENSINAMENTOS DE CRISTO JESUS O QUE NÃO TINHA AMOR AO DINHEIRO VONTADE DE FERIR O PROXIMO ESSE SIM É VERDADEIRAMENTE BOM AGORA O CRISTO SIM, AGORA OS CRISTÕES VIVEM COMPLETAMENTE CONTRA SEUS ENSINAMENTOS AGEM PIOR QUE DEMONIOS NÃO TEM MEDO DE TIRAR A VIDA DO PROXIMO PAISES CHEIOS DE ORGULHO E VIOLENCIA BAGUNÇA É PROSTIBULO NO BRASIL OFERECENDO GAY PUTAS E GIGOLOS CHEINHOS DE AIDS AS MULHERES SO VIVEM DO SEXO OU SEJA TEM MUITA MULHER UERENDO HOMEM SO NÃO ENCONTR PARA TER FILHO É AUMENTAR A POPULAÇÃO MULHER PUTA RUIM É O LOUCO AMOR AO DINHEIRO BEM SEGUIDORES DE CRISTO A CONTA OUTRO ELES LEEM ESTUDAM NÃO SEGUEM COMO É ESSSE CRISTIANISMO CRISTÕES DESAPEGO AS COISAS MATERIAS OU APEGO COMO SIGNIFICA O CRISTIANISMO CRISTÕES VCS SÃO PIORES QUE OS ATEU NÃO TEM PRINCIPIO O UE MANDA NUM CRISTÃO E APEGA AO DINHEIRO DESAMOR AO PROXIMO AMOR A SEU EGO JA OS ATEUS AMAM E RESPEITAM A VIDA NÃO AS MORTES INOCENTES TODOS TEM DIREITO DE VIVER NESSE MUNDO FELIZ NÃO ~SÓ OS RICOS COMO DIZIA AQUELE QUE OS CRISTOES NEM AMAM POIS ANTES DELE VEM O DIM DIM...DESAPEGO AO MATERIAL FOI UM BOM ENSINAMENTO DE CRISTO NÉ CRISTÕES AMOR AO PROXIMO INCLUINDO NATUREZA E SUAS BELEZAS ACLOPADAS AMOR A AGUA POIS DELA VIVEMOS AMOR AOS ANIMAIS POIS DELES DEPENDEMOS AMOR AO SOLO POIS NELE PISSAMOS AMOR AS ARVORES POIS DELES NOS NECESSITMOS AMOR AO AR POIS DELE NOS RESPIRAMOS E DESAPEGO AOS BENS MATERIAS OLHE A VIDA COMO UM TODO NÃO SÓ COMO SEU EGO MANDA OLHEM A VIDA COM MAIS AMOR E RESPEITO O QUE MAIS FALTA NOS PAISES DE FALSA IDEOLOGIA CRISTA ONDE SÓ A DESAMOR A DEUS AMOR AO MATERIAL É RAIVA IRA DO PROXIMO E MUITA PROTITUTA DO SISTEMA AMEM A VIDA DE TUDO QUE É DA TERRA É NELA EXISTA SEJAMOS MENOS CONSUMISTAS AMOR NUNCA É DEMAIS NÃO COLOUEM MAIS GENTE NO MUNDO ADOTE UM AO INVE DE POR CRIANÇA A TANTO FILHO DE PUTA ABONDONADO TADINHOS ADOTEMOS E AMEMOS UNS AOS OUTROS....

    ResponderExcluir
  38. G-Zuis não ajudou a própria raça ponto.

    ResponderExcluir
  39. Só tenho uma coisa a dizer: Deus te abençoe.

    ResponderExcluir
  40. Gilberto Alves Sou Evangelista7 de outubro de 2013 19:45

    Gilberto Alves
    sou evangelista e gostaria de dizer a você Marcio Alves volta ao primeiro amor do tempo que tu pregava evangelho a mim quando eu era impio até zombava da palavra você é uma pessoa cheia do espirito santo não permita que o conhecimento humano distancie você de Deus volte a falar em linguás estranhas pregue novamente e sejas avivado.


    ResponderExcluir

Deixe a sua opinião.

Mesmo que você não concorde com nossos pensamentos, participe comentando esta postagem.
Sinta-se a vontade para concordar ou discordar de nossos argumentos, pois o nosso intuito é levá-lo à reflexão!

Todos os comentários aqui postados serão respondidos!