sábado, 26 de junho de 2010

O constante fluxo da vida

A nossa efêmera, mas emocionante existência é um constante caminhar de desconstruções construídas e também de construções desconstruídas das mortes e nascenças das multiformes ao longo da vida.

Inicia-se no ventre materno, morre-se a forma de espermatozóide, para que nasça o bebê. Depois, aprendemos a andar e balbuciar as primeiras palavras, morrendo-se a forma de bebê para dar lugar a de uma criança. Mais tarde, porém, morre-se a forma de criança para dar lugar a de adolescente e assim, sucessivamente.

Mas diariamente muitas outras e variadas formas vão morrendo, para que muitas outras ocupem o seu lugar, pois a nossa vida não é estática, ela é dinâmica e impulsionadora do existir. Até mesmo nas adversidades do dia mal, nas mortes das formas não compreendidas e aceitas, estamos sendo transformados.

Acho que diante disso tudo, o nosso grande medo, não deveria ser a morte-morte, mas a morte-das-formas, pois viver é tão mais complicado e assustador do que deixar essa vida.

Hoje o meu eu é eu mesmo, mas já amanhã, serei eu mesmo outro, nesse dinamismo de mortes e nascimentos dos muitos eu, quem será eu, daqui a muitos anos?
Não sei e nem quero saber, pois a graça da vida, esta em viver um dia após o outro, sendo eu mesmo em cada mudança do eu.

Vou tentar ir mais além, a morte das formas, é que traz sentido existencial para nossas vidas, pois se eu fosse eu mesmo eternamente, o meu eu estaria condenado a ser eu mesmo por toda eternidade, girando, indo e voltando no sempre eterno repetitivo eu mesmo.
Ao mesmo tempo em que luto para perpetuar o meu eu, quero matar o eu, para que eu mesmo seja eu mesmo outro.

Se o paraíso for real, não quero ser eu mesmo eternamente, pois isto seria uma condenação, viver eu no eu mesmo sem fim.
Portanto, se existe vida no porvir, quero que seja a continuação desta vida em uma vida continuada pela vida do ser eu mesmo eu, mas podendo ser eu mesmo outro, mudando, renovando, perdendo, alcançando, vivendo e morrendo as formas de ser eu.

A razão da razão de existir é a razão da razão do não existir sempre no eu mesmo, de poder escolher, criar, inventar e renovar as muitas formas de ser eu. Ninguém nasce condenado a ser mesmo o mesmo ser.

Não somos o mesmo, porque a vida não é a mesma, e a vida não é a mesma, pois nós não somos o mesmo. Daí sermos os mesmos condenados a sermos os não mesmos enquanto se é mesmo. Hoje sou eu mesmo sendo o mesmo eu, mas amanhã é outro dia em que serei sendo outro eu, mas nunca deixando de ser eu mesmo eu.


Por Marcio Alves

171 comentários:

  1. Marcitto,

    Era pra mim ficar bravo com você? Não, jamais ficarei, póis o meu eu tem um eu mesmo que contrarie o eu, existe o eu existêncial e confraterno.

    Não consigo negar o eu, e o eu não consegue me negar é como numa revelação do seu texto, que se o eu permanecesse o eu, a monotonia tomaria conta do eu e seria um eu chato. Mas o eu está sendo outro eu constantemente.

    "Metamorfose Ambulante"

    A sua frase se resume a tudo. "Ninguém nasce condenado a ser mesmo o mesmo ser."

    Até...

    ResponderExcluir
  2. Ah!! Marcitto,

    Me sinto honrado em ser o primeiro a comentar.

    See Later.

    ResponderExcluir
  3. HUBNER

    Pra mim todo este caso de “Tiago” já passou, portanto não vamos falar mais nisto....o que é mesmo que estamos falando?

    Ah sim! Vamos falar da postagem....seu comentário ficou muito legal e criativo, ou será que é plagio?

    Estou brincando. Rsrsrsrsrsrs

    Agora HUBNER, você disse que concorda comigo no que tange sobre a monotonia que seria se fossemos eternamente o mesmo....então eu lhe pergunto:

    Mas isto não contrariaria o ensinamento cristão de que no céu seremos perfeitos?
    Pois se formos perfeitos, logo não haveria mudanças, sendo a mudança uma qualidade de algo inerentemente imperfeito.

    Fico aqui esperando o que vem daí.....

    Abraços

    ResponderExcluir
  4. HUBNER 2

    Você está mesmo rápido no gatilho.......

    ResponderExcluir
  5. HUBNER

    Responda rápido porque já vai começar o jogo da Argentina e México...e eu, claro, vou assistir!!!!

    ResponderExcluir
  6. HUBNER

    Desculpe-me...mas você demora muito para digitar no computador...por acaso você esta catando milho no teclado. Rsrsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  7. Marcitto,

    O comentário que fiz não é plágio, tive autorização do meu subconciênte para colocar aqui. Hehehehehehehe

    É mesmo Marcitto, vai contra o pensamento evangeliquês da perfeição. Mas o seu pensamento está certo, no que diz ser monotono.

    Mas me responda, será que no novo céu e nova terra, aqui nesta terra, teremos os mesmos sentimentos humano que temos hoje?

    ResponderExcluir
  8. Vou continuar cantando milho, depois desse roubo que estou vendo aqui.

    Pelo amor!!!!

    ResponderExcluir
  9. Que isso Marcinho esta lendo Kierkergard agora? rsrs
    Isso você plagiou, ou apenas se deixou influenciar?
    Brincadeira também! Tu ainda és muito burro para entender Kierkergard!
    Mas se você não sabe, eu vou falar um pouco do que ele disse e que esta no mesmo tom do seu artigo.
    O homem tem o desejo contraditório de ser ele mesmo, ao mesmo tempo em que não quer ser ele mesmo!
    Não querer ser eu mesmo tratasse da essência do eu mesmo, que não se suporta a si mesmo, querendo ser um outro eu, um eu mais livre, um eu que tenha mais dos outros e que se apropria dos eus dos outros para ser um super eu diversificado, múltiplo.
    O nosso eu cru e nu, é insuportavelmente mal vindo, queremos um eu mais light, um eu mais leve, um eu mais colorido e menos pesado como o nosso mais profundo eu.
    E por isso a constante transformação da vida em suas fases é que fazem com que nós suportemos o nosso eu que constantemente deixa de ser um eu eterno para ser um eu passageiro e descontraído como um viajante sem rumo e feliz na estrada da vida.

    ResponderExcluir
  10. Marcitto,


    Muito legal o seu artigo...até que enfim você decidiu ressurgir das cinzas da fênix. rs..

    Mas, concordo plenamente com toda esta idéia da transformação, da modificação...o que traduz o pensamento do filósofo Heráclito, que vai de encontro também com o meu pensamento HOJE.

    Não entendemos ao CERTO como chegamos aqui, simplesmente sabemos que aqui chegamos... e nem sabemos por quais procedimentos ainda teremos que passar....mas sabemos de uma única coisa...de única certeza, a certeza de que nada é para sempre, e tudo se altera..tudo se modifica...pois como você realmente disse, "não somos estáticos"...mas sim dinâmicos...

    Lembro-me que o Edson me citou alguma coisa sobre o rio...do Heráclito...e hoje ele me fez pesquisar esta frase...ao qual colarei aqui: "Não nos banhamos duas vezes no mesmo rio"...

    O que resume...que o rio se modificará e que todos se transformarão...e vai de encontro à idéia central do seu artigo: a constante metamorfose inserida na exitência humana.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Errata:

    Onde escrevi "de encontro a"...leia-se "ao encontro de"...que denota concórdia e não discordia.

    ResponderExcluir
  12. Marcio meu sócio, que texto mais complicado este viu?! Mas, vamos por partes...como diria o esquartejador (essa foi a pior rss)
    Vou extrair um pequeno trecho de seu artigo, mas não pretendo comentá-lo isoladamente do contexto..senão...torna-se pretexto. Sua frase:

    “...Acho que diante disso tudo, o nosso grande medo, não deveria ser a morte-morte, mas a morte-das-formas, pois viver é tão mais complicado e assustador do que deixar essa vida...”

    Não concordo com você, neste pequeno fragmento. Pois, acho que viver é sim, a maior "dádiva" que um homem pode receber. Já dizia Sartre: "filosofar é aprender a morrer", então, como podemos julgar ser assustador e complicado, a grande mola propulsora da vida...a saber, a morte?

    É por saber que morreremos, que aprendemos a dar valor às pequenas coisas...pequenas delicadezas que somente a vida pode nos proporcionar. É claro que seu texto nos diz que estamos em constante modificação...sempre aprendemos...e sempre aprenderemos. mas o ponto principal da transformação humana, é justamente...aprender a morrer.

    Infelizmente, não é o que se ensina. Pelo contrário...todos evitam tocar neste assunto. A pós-vida, é a grande incógnita da "vida". muitos tentam criar subterfúgios...estórias, muitas vezes horrendas, assustadoras, com Diabo , inferno e demônios...e muitas vezes felicíssimas, com céu, Deus, anjos e tudo mais. Mas ninguém sabe como será. O que nos resta, é esse medo inconsciente de deixar a vida.

    Transformação...em minha opinião é isso. Aprendermos que a morte não é o fim...mas sim apenas uma saída de cena. Só que não voltaremos a atuar nunca mais. “Ficam então as lembranças...do que fomos...e do quanto mudamos no decorrer do espetáculo chamado "EXISTÊNCIA", para que os novos personagens possam espelhar-se e se for conveniente...copiar-nos“. (Edson Moura)

    Valeu meu sócio!

    ResponderExcluir
  13. Edson vejo que o Tiago te fez um bem imenso, agora podes provar que você colava alguns trechos só por preguiça mesmo rsrs.

    Pois seus últimos textos e comentários estão se saído bem melhores do que os do Nureda, falar nele quando vai ser o enterro kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  14. Gresder..pra seu governo o texto é colado sim...só esqueci de dar a fonte.

    Mas como agora sou numa pessoa livre do Thiago..e finalmente meu protegido hubner está de volta...vou dar a fonte para que vocês leiam o texto.

    http://noreda.blogspot.com/2010/06/saindo-da-vida-para-entrar-na-historia.html

    ResponderExcluir
  15. Marcio...voc~e sabia que o Gresder tem Net em casa agora?

    Pois é, agora vamos ver se ele consegue acompanhar o raciocínio da galera da Confraria.rsss

    ResponderExcluir
  16. HUBNER

    Se você concorda comigo de que a doutrina da perfeição cristã é mesmo chata e enfadonha, como é que você pode ainda, partindo do pressuposto de sua fé em tal crença, desejar tal acontecimento?

    Melhor então seria a não existência do que a crença da eternidade, você não acha?

    Agora passando a responder a sua pergunta que foi: “Mas me responda, será que no novo céu e nova terra, aqui nesta terra, teremos os mesmos sentimentos humano que temos hoje?”

    Minha resposta: Se não tivermos então não seremos nós mesmos, mas outro ser muito mais robótico do que humano.
    Pois o que faz nós sermos nós mesmos é a nossa completa historia com sentimentos, vontades, desejos, fatos e memórias.
    Deletando-se isto, deleta-se também o nosso ser que é ser no mundo e em si através da total vida existencial mundana.

    ResponderExcluir
  17. HUBNER 2

    Nem me fale...você viu o Tevez estava muito impedido...desse jeito é fácil de mais para a Argentina se classificar....jogando o melhor futebol da copa até agora, ainda conta com uma “mão santa de deus”. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


    Mais tenho que confessar meu pecado....sou fâ do futebol tanto Argentino quanto do Uruguai também. Rsrrsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  18. GRESDER

    Bondade (mentira?) a tua comparar este meu texto com os escritos do Kierkergard...nem passou perto. Rsrsrrsrsrs

    Na verdade este meu texto foi uma reformulação que fiz em cima do comentário que tinha feito há muito tempo em uma postagem do J. LIMA...apenas dei uma melhorada e postei. (deixe-me revelar logo a fonte, antes que o “Tiago” apareça. Hahahahaha)

    Assim como tenho outros textos legais que procurei melhorar, que foram outros comentários realizados nos blogs dos amigos.

    Ainda bem que você também resolveu revelar a fonte deste seu comentário, se não, te iria chamar de gênio, pois vou lhe contar....que comentário espetacular!!! (pena que é copiado e colado do Kierkergard....cuidado GRESDER, olha o “Tiago” ai. Rsrsrsrsrs)

    ResponderExcluir
  19. PAULINHA

    É que hoje é domingo, e domingo eu não trabalho, então sendo assim, deu para postar um texto meu que já fazia tempo que eu não postava. Rsrsrsrsrs

    Tanto é verdade, que estou aproveitando que minha mulher esta dormindo para comentar hoje, porque amanhã vou sair mais cedo para trabalhar e não sei se terei tempo hábil para responder algum comentário. Hehehehehehe

    Ah não acredito que você concordou com meu texto....to vendo que vai ser fraquinho nos comentários esta minha postagem...assim não tem graça...pode vir aqui de novo e discordar. Hahahahahaha

    Também concordo como gosto da idéia originalmente pensada pelo filosofo Heráclito...claro, não toda, mas o que concerne ao meu texto, isto sim eu concordo como assino em baixo.

    ResponderExcluir
  20. PAULINHA 2

    Eu já te disse que não é para concordar com meu texto, mas antes, para discordar do mesmo. Hahahahahah

    ResponderExcluir
  21. Marcio eu só falei isso para te bajular, voce realmente passa longe dele, mas meu comentario nao é uma copia, mas o que eu entendi do que li e espandi de mim mesmo, agora nao me enche que eu vou assistir um filminho na net para poder dormir relaxado...

    ResponderExcluir
  22. EDSON

    Modéstia bem a parte essa sua, não acho que meu texto seja demasiado complicado, ainda mais para você.

    Agora você comentou apenas um fragmento do meu texto, onde estão as demais partes?
    (Eu fico aqui provocando você, mas nem sei se terei mesmo tempo para responder a todos os seus comentários, caso você resolva desconstruir todo o meu texto. Rsrsrsrsr)

    Agora eu tenho a sensação de que você não entendeu bem esta minha frase.
    Tanto que concordo plenamente que “filosofar é aprender morrer” e que a “morte é uma mola propulsora da vida”....mas tanto mesmo, que por isso disse que “viver é tão mais complicado e assustador do que deixar essa vida”, pois se assim não o fosse, diria o contrario, você não acha???

    Pois como diria Nietsche “a melhor coisa em morrer é que nunca mais voltaremos a morrer”.

    A morte tanto é nossa grande tragédia quanto nossa maior benção, pois o que seria de nós se vivêssemos eternamente como propõem alucinadamente o cristianismo?

    Esta minha frase esta banhada pelo pessimismo existencial, de que a vida por si só é uma grande tragédia, claro que existe também o outro lado da moeda, o de que a vida mesmo com seu pessimismo tem lá o seu lado belo, mas neste caso o que procuro ressaltar e dar ênfase é mesmo na tragédia de vir à existência, pois o trabalho de um verdadeiro filosofo (não que me considere um, pois estou longe disto) não é de oferecer auto ajuda, mas antes o de problematizar a existência, levando as pessoas a uma reflexão.

    Mas que o seu comentário ficou muito bonito, isto realmente ficou. Rsrsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  23. GRESDER

    Seu viado...você colocou realmente net na sua casa e nem falou para os mano????

    ResponderExcluir
  24. GRESDER

    Então finalmente você tem um telefone residencial em sua casa...me passa o numero para que eu possa te ligar também, e assim, não dar motivos para você falar mal de mim...que sempre só você que me liga e eu nunca te ligo. Kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  25. Bem confraternos e leitores

    Foi um prazer comentar, mas agora eu preciso ir dormir....apesar que estarei trabalhando muito, como de costume, mesmo assim vou tentar me esforçar para responder a todos os comentários.

    Boa noite a todos e até amanhã.

    Abraços

    ResponderExcluir
  26. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  27. Olá Marcio,

    Amo ficar comigo mesma, como estou agora. A gente se encontra...Depois, vim para o meu vício. rsrs

    É bom saber que morremos dia a dia e lembrar que:"Se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica ele só, mas se morrer, produz muito fruto.". E que: "A vereda do justo é como a luz da aurora que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito."

    Esse dia, ao meu ver, não significa congelamento do nosso ser, mas que estamos preparados para conhecer além da nossa limitada percepção de vida .

    Amo a vida e quero vivê-la intensamente, descobrindo a cada dia o que ela tem para me ensinar, mas sem temer a morte, porque não tenho dúvidas que ela é apenas um veículo que nos conduzirá a eternidade.

    Você me parece possuir um lindo interior. Abraço.
    28 de junho de 2010 00:35

    ResponderExcluir
  28. Tudo bem Marcitto,

    Mas como você entende bem de bíblia, me parece que o passado vai ser apagado, pelo menos aquele passado que nós lembramos fazendo umas más atitudes.

    Concorda ou não? Então, pelo presuposto partindo momentaneamente, vemos que o sentimento não será igual, até o corpo será glorificado.

    E aii...

    ResponderExcluir
  29. Marcio onde fica Deus , nessa evolução do seres-humanos?
    Deus tem algum coisa a ver com a nossa evolução de hoje temos um pensamento e amanha outro?
    Eu sempre gosto muito de ler seus textos, sempre me faz refleti muito sobre varias coisas!
    Antes eu era uma fanática acreditava que ser eu fosse para igreja todos os dias, eu iria ganhar minha vitoria, mais eu vir que temos que ama a Deus como nosso criado e não como papai noel,

    ResponderExcluir
  30. Hubinho, o que você está sugerindo é que "Um dia nós seremos transformados...e nosso corpo será também transformado...e as lembranças más serão deletadas de nossa memória...então facarfemos só com boas lembranças?"

    Mas veja esta silogismo:

    Só tenho lembranças boas...
    Mas lembranças boas necessitam de seus opostos para existirem
    Logo, não existem somente lembranças boas.

    Hubner, desconfio ser impossível esta tua teoria. Mas se puder dar-me bases mais racionais (palpáveis) e menos bíblicas (alegóricas) ficarei satisfeito em argumentar com você.

    No mais, ao que me parece...nós não passaremos de "zumbis" no céu. (céu?)

    ResponderExcluir
  31. Errata:

    Onde escrevi "facarfemos"kkkkkkkkkk

    Leia-se "ficaremos"

    ResponderExcluir
  32. Marcio...já que você insiste tanto, vou pegar outros pontos de seu belo texto e tentar desconstruir...mas você sabe que não discordo de você em muitas coisas. Só peguei o fragmento que achei dúbio...para não fazer um comentário do tipo:

    "Sócio parabéns pela postagem...é isso aí..continue assim!"

    Kkkkkkkk!

    ResponderExcluir
  33. Pode deixar Mááááááárcio, que na próxima eu vou discordar do seu artigo.

    kkkkkkkkkkkk...

    Beijos.

    ResponderExcluir
  34. Edson para sabemos que os bons momentos são bons mesmo, os momentos ruim teve existi, pois todos nós seres-Humanos já passamos bons e ruins momentos na vida, isso é tão certo como a morte para todos nós um dia.

    Edson quero fazer um pergunta para você, qual sua opinião, nós um dia vamos nós ver no céu ou no inferno e nós reconheceremos ou não vamos saber que é que esta do nosso lado lá?
    Essa é um duvida tão cruel para mim!
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  35. Nietzsche ordenava: "Torna-te quem tu és". O que somos? O que eu sou? Somos seres com potencialidades. Alguns vivem e morrem sem nunca saber quem eram, o que pensavam, pois viveram a vida de um outro e pensou os pensamentos de um outro. Não questionou. Não desconstruiu. Não se abriu ao novo, não se espantou com o mistério. Deixou-se quedar-se pelo peso do mundo, da sociedade, do "tem que ser assim". Nós caminhamos ao encontro de nós mesmos pela abertura e pelo acolhimento da transformação.

    ResponderExcluir
  36. Se cabe mais um comentário aqui, vibrei com as mudanças do eu em nós, hehe.
    Texto bom!
    Um abraço e a paz!

    ResponderExcluir
  37. GUIOMAR BARBA

    Também confesso meu pecado de ser viciado na blogosfera (rsrsrsrs).....pena que ando bastante ocupado com meu serviço...sobrando muito pouco tempo para comentar.

    Muito boa sua comparação do meu texto com o versículo bíblico do trigo que precisa “morrer” ao cair na terra para produzir ainda mais frutos, pois de fato, assim é a nossa vida...um ciclo de mortes e nascenças das formas que faz com que viemos amadurecer e crescer ainda mais.

    Minha amiga, como a crença da perfeição cristã não significa congelamento do ser na eternidade, se lá, segundo a crença cristã seremos perfeitos?

    Ou seja, se é perfeito, então logo não há o que mudar, melhorar, crescer, desenvolver, amadurecer....pois seremos perfeitos...sendo assim, caindo num profundo congelamento do ser...a não ser, que você Guiomar, creia de outra maneira....será que é isto então?

    Desculpe te interpelar de novo, mas com o objetivo sempre de levar a reflexão, permita lhe perguntar....mas como você pode ter certeza de que a morte é um veiculo que nos conduzirá a eternidade?

    Se você me disse-se que almeja que ela seja, ai não há o que discuti...mas quanto você diz que não tem duvidas, tendo pelo contrario certeza, isto sim gera questionamentos...pois como realmente saber e ter certeza do que nos acontecerá depois da morte?

    Obrigada pelos sinceros elogios.

    Abraços

    ResponderExcluir
  38. HUBNER

    O que faz nós sermos quem nós somos é justamente o nosso passado, pois ele é fazendo parte inseparável de nossa historia, sendo assim, apagando as lembranças do nosso passado, mesmo as más recordações, apagaria também a nossa historia e, por conseguinte nossa identidade, pois somos o que somos na historia de nossas vidas.

    Se os nossos sentimentos, lembranças, percepções e vontades não forem às mesmas, então logo, não seremos nós mesmos no céu, mas outros seres que por conseqüência denota ser outro e não nós mesmos.

    ResponderExcluir
  39. DAIANA

    Seja muito bem vinda em nossa sala do pensamento.
    Para nós é uma honra termos sua contribuição neste espaço criado unicamente com o intuito de levar as pessoas a uma imensa reflexão.

    Se sinta a vontade para comentar, tanto para concordar ou discordar do que escrevemos por aqui.

    Fico feliz de ter uma leitora assídua que nem você.....que gosta de ler o que escrevo, e, principalmente, refleti no que lê.

    Agora eu fico feliz mesmo por ver que os nossos textos têm contribuído para amadurecer e conscientizar as pessoas, como o seu caso e outros muitos que já testemunharam, pois escrevemos pensando em causar mudanças no meio onde vivemos.

    Na questão que levantastes “onde fica deus nesta historia toda” fica no lugar de sempre (ajudei muito agora não é mesmo? Rsrsrsrs)....ausente do mundo como presença que se impõe, ao mesmo tempo marcante pela criação que ele criou.

    ResponderExcluir
  40. EDSON

    É isto mesmo....no céu cristão, não passaremos de zumbis eternamente glorificando a deus.

    Este deus só poderia ser mesmo o deus cristão, que cria para ou lançar no inferno ou para levar ao céu para ser zumbir....não sei qual o pior dos dois, pois ao menos no inferno eu vou saber quem sou eu.

    ResponderExcluir
  41. Outra coisa EDSON...vamos ver se o HUBNER vai aparecer por aqui e aceitar o seu desafio...o de argumentar sem usar a bíblia....acho isto impossível de acontecer...mas fácil existir o céu e inferno do que o HUBNER argumentar sem usar a bíblia. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  42. PAULINHA

    Ah não....tem que ser agora.....rsrsrsrsrsr

    ResponderExcluir
  43. DAIANA 2

    Se me permitires responder também a pergunta que você fez para o EDSON.........
    (Não que a minha resposta seja também pelo Edson, pois séria interessante nós dois respondermos para você.)

    Minha querida amiga DAIANA céu e inferno não existem de verdade, são apenas crenças religiosas, assim como existem a crença espírita de reencarnação, mas todas elas não passam do maior desejo do ser humano o de transcender, o de sobreviver depois da morte, de não cair na não existência.

    Ainda que não exclua totalmente a possibilidade de haver vida após a morte, não considero nenhuma crença humana como fato incontestável e real, pois pelo simples fato de não poderem ser provadas cientificamente falando.

    Um conselho: Não viva a vida se preocupando com inferno e nem céu, pois se existirem mesmo, como diz o filme hora marcada “os homens bons não precisam ter medo da morte”.

    Viva a vida e seja feliz sem os cabrestos manipulativos e neurotizantes das religiões!!!!

    Abraços e volte sempre!

    ResponderExcluir
  44. EDUARDO

    Essa frase do Nietzsche é mesmo espetacular...”torna-te quem tu és”, essa era uma sentença dele que ele próprio dizia estar escrito em pedra de granito, ou seja, irremovível.

    Talvez esse seja mais um drama humano...o de morrer sem tornar por completo quem era, sem usar totalmente sua capacidade de potencialidade.

    Na verdade, quando começamos a nos tornar quem somos....já estamos quase morrendo.

    Mas temos que ter isto em mente.....de buscarmos em nós mesmos a força motora de nos transformarmos em quem somos mais ainda não sendo, mesmo se sendo quem somos!!!!

    ResponderExcluir
  45. ANDRÉ

    Obrigado por sua curtíssima, porém, indispensável participação em nossa sala do pensamento.

    Fique a vontade e volte mais vezes, pois gostamos muito, de enquanto refletimos, fazemos também novos amigos.

    Agora me diz uma coisa.....pela paz que você me deu....e eu aceito.....você parece ser cristão...então me diga uma coisa....o que você pensa sobre a eternidade?

    Seremos condenados eternamente a sermos os mesmos?
    Mesmo sendo perfeitos, não cairíamos no tédio da perfeição?

    Abraços e espero sua resposta.

    ResponderExcluir
  46. Marcio agora entendi,isso tudo é um inversão deles para que a gente acredite que existira um vida depois da morte. Bem bolado essa idéia, porque a maioria das pessoa pensam que nunca vão morrer!

    ResponderExcluir
  47. Querida DAIANA

    Não é bem isto que eu quiz dizer...não é que seja apenas invenção humana, mas antes um genuino desejo de continuar vivendo a vida...na verdade a vida é sim, ao mesmo tempo em que não é, bela em si, e sempre doi a ideia de nunca mais existir.

    Portanto, as religiões nasceram do desejo humano de nunca deixarem de existir.

    Abraços

    ResponderExcluir
  48. Daiana...vejo que o Marcio já respondeu à pergunta que você me fez. Mas gostaria de deixar minha opinião pra você, já que este assunto é tão dolorido para se debater.

    Daiana, eu particularmente não creio que exista céu e inferno...até já escrevi alguns artigos sobre o assunto. Mas esta questão é muito delicada..pois o cristão atual, vive entre dois pontos de um dilema: Sirvo à Deus por que não quero ir para o inferno...ou, sirvo a Deus porque quero ir para o céu.

    Qualquer um dos motivos, torna o servo interesseiro...portanto, o amor que alegamos ter por Deus, não passa de medo ou expectativa futura de um céu lindo e maravilhoso.

    Se você procurar Daiana, verá que existem muitas falhas nos relatos bíblicos acerca do céu e do Inferno...mas o pior é a manipulação que a Igreja Católica exerceu sobre nossos pais e avós...e de certa forma, nos somos herdeiros desses pensamentos.

    Não tenha medo Daiana, viva a vida com intensidade...ame seus pais ...seus amigos...ame tantos quanto puder...e então, ao deitar-se para dormir...não sentirá mais medo do que existe "do outro lado".

    O que realmente importa é o presente Daiana, pois o futuro não existe e nunca existirá...porque quando chegarmos lá...ele já será presente também.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  49. Já que citaram sobre"CÉU" e "INFERNO"..quero dar meu parecer...

    "Céu" e "Inferno" encaixa-se na mesma celeuma do persistir na idéia de que existe vida em outro planeta....

    Quantos estudos já não foram feitos com o principal intuito de provar vida além da Terra??!

    A mesma pergunta (com modificações finais) eu faço para o provável "Céu" e "Inferno"...
    Quantos estudos já não foram feitos com o intuito de provar vida após a morte??!

    São muitas ideologias interligadas...muitos estudos praticados....muitos pensamentos expostos...e vamos passar uma vida esperando por estas respostas, mas elas não virão...

    Primeiro, se existe vida em outro planeta, porque até hoje eles não nos ofereceram um "vestígio" da existência deles?? Um "rastro" qualquer??...algo que nos fizesse perceber que eles são existentes??...como nós fazemos....com o envio de astronautas na lua, e um conjunto de N coisas que possibilita "espionar" estes "outros" planetas..

    Segundo, ASSIM acontece com o "céu" e o "inferno"...algo incabível ao pensamento humano...pensar, refletir...estudar ainda não basta para provar estes possíveis lugares....

    Porque não temos como mandar um "espião" para "vasculhar e/ou espionar" estes "ambientes" para nós...
    E estes "seres (humanos)" que já morreram nunca voltaram para nos dizer se eles foram para "o céu ou para o inferno"....

    O que se encaminha para uma estoria sem provas suficientes para convictar a idéia de céu e inferno... Assim é a estoria que muitos cristianismos pregam hoje...uma estoria sem convicção ...recheada apenas com "argumentos vagos"...

    Não creio em "céu" e nem em "inferno"...mas também não elimino suas existências, pois está fora da minha percepção, do meu contexto....e sempre pode existir as pré e as pós...as caras e as coroas...

    Mas creio que deveríamos viver a VIDA apenas...pois ela é a única pertencente a nós, mas claro que MARCADA com um tempo determinado....

    Tudo isto é algo que está fora da percepção humana.
    Um verdadeiro "buraco negro"...

    Que "sabe Deus" quando as cortinas serão abertas, e todos nós da "platéia" poderemos
    ver as misteriosas revelações que estavam ocultas por entre elas..

    Beijocass.

    ResponderExcluir
  50. Amorzinho,

    Como já lhe ensinei...tira estas escritas de "pet shop" que está embaixo dos gadgets..."usuários compulsivos"...isto é uma "poluição visual" sem necessidade..rsrs..


    Marcinho,

    Ficou muito bom o seu texto JUSTIFICADO...parabéns garoto, está dentro dos padrões de formatação exigidos que enaltecem ainda mais a exibição de um belíssimo artigo...(kkkkkkk)..

    Beijos.

    ResponderExcluir
  51. Marcio, do meu ponto de vista a vida não acaba. Pode mudar a forma do nosso corpo e o local de nossa existência, mas realmente não creio na morte de nós mesmos, entendido esse "nós mesmos" como sendo uma partícula imaterial que muitos chamam de "alma".

    Não quer dizer que eu creia no "paraíso". Até porque, se formos beber da mesma fonte de onde saiu essa idéia de paraíso, ela vai nos dizer também que um dia, nesse mesmo "ceú de Brigadeiro" houve uma revolta, e foi um tal de anjo sendo defenestrado e virando demônio e mais aquela história toda que todo mundo aqui tá farto e cheio de saber.

    Como disse Lavoisier, "nada se perde nem se cria, apenas se transforma". Sendo inconcebível, portanto, a morte.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  52. Caramba Isaías...defenestrado? Essa eu não ouço há uns bons 5 anos! rsss

    Valeu pelo comentário meu mano. Ps Tentei te ligar ontem mas só deu caixa postal.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  53. Paulinha, quem justificou o texto do Marcio fui eu..portanto: "sou eu quem justifica o justo" Kkkkkkk!

    ResponderExcluir
  54. Ah, tava carregando a bateria daquela joça. Obrigadão. Um abraço.

    ResponderExcluir
  55. PAULINHA

    Muito boa explicação sobre céu e inferno, apenas a nível de complementação do seu comentário, quero dizer que a diferença infinita entre paraíso e inferno dos planetas e galáxias são que a ciência ainda não conseguiu explorar e que nós sabemos que eles existem, pois são materiais, já o inferno e paraíso são metafísicos, espirituais nunca se podendo ser provado empiricamente pela ciência, ou seja, está para além, mas muito mais além de nosso universo físico, sendo portanto, impossível mesmo de se provar, apenas podendo ser crido, mas para isto teríamos que anular a razão.

    Abraços

    ResponderExcluir
  56. PAULINHA 2

    Fico feliz por você ter gostado do meu texto e da minha justificação do mesmo.

    ResponderExcluir
  57. ISA

    Belas palavras amiga...também gostaria de crer como você...por enquanto basta dizer que meu desejo é mesmo a não desistência da vida.

    Essa estória (sem “H”) toda a qual relatastes já nem passa na minha cabeça pensante mais, portanto nem a considero como possível, antes como apenas um mito que nossos pais herdaram e que nos ensinaram.

    Abraços

    ResponderExcluir
  58. EDSON 1

    Se você já não ouve essa palavra há 5 anos, eu confesso minha ignorância de nunca ter-la lindo, nem se quer escutado....nossa maninha ISA tá que tá cheio das palavras requintadas. Rsrsrsrsr

    ResponderExcluir
  59. EDSON 2

    Obrigado por me chamar de “justo”. rsrsrsrrs

    ResponderExcluir
  60. ISA

    Falar em celular...eu só não te ligo porque estou com zero de credito...mas assim que colocar, eu dou uma ligadinha para você, ok mina?

    Abraços

    ResponderExcluir
  61. Só acredito naquilo que posso tocar ou senti.

    Tem duas frase que eu gosto muito "Só existem dois dias no ano que nada pode ser feito. Um se chama ontem e o outro se chama amanhã, portanto, hoje é o dia certo para amar, acreditar, fazer e, principalmente, viver!" Dalai Lama

    "Só sabemos com exatidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida. Johann Wolfgang von Goethe, escritor alemão "

    ResponderExcluir
  62. Ok, obrigadinha... também não coloco créditos no MEU cel há uns 100 ANOS...

    ResponderExcluir
  63. Marcinho,

    Belíssima complementação...adorei.

    Quando estava comentando o meu comentário (redunnnnn...rs) me passou umas nuances sobre o concreto (planetas) e abstrato (céu e inferno)...realmente, se "vendo" não conseguimos abstrair uma convicção...imagine "não vendo" algo?!...tentar abstrair alguma idéia concreta do abstrato é absolutamente impraticável, irrealizável e improvável...

    Beijos querido.

    ResponderExcluir
  64. ISA e MARCITTO,

    Ninguém mandou vocês dois não nascerem ricos, pois se tivessem tido a mesma sorte que eu, com certeza o celular de vocês estariam transbordando de tantos créditos...hahahahaha....

    P.S. Ainda bem que a TIM fez o Infinity por um ano, e além do mais ganhei o celular do Edinho...porque coitadinho do meu outro celular da claro, não serve nem para ser pai de santo....kkkkkkkkkkkk.....

    ResponderExcluir
  65. DAIANA,

    Uma dúvida me surgiu ao ler o seu último comentário..

    Você diz: "Só acredito naquilo que posso tocar ou senti".

    Você acredita em Deus??!

    Pois se levarmos ao pé da letra, nunca o tocamos (portanto não podemos tocá-lo) e nunca o sentimos (pensamos que sentimos, mas na maioria das vezes, até certos "sentimentos" são induzidos pelo nosso insconciente)...

    Eu não alimento esta idéia, neste ponto, assim como você...pois creio naquilo que não vejo, assim como posso crer naquilo que vejo...

    Creio no deus Criador (QUE NÃO VEJO)..ao VER e CRER nesta belíssima criação (QUE É VISÍVEL AOS MEUS OLHOS).

    BEIJOS.

    ResponderExcluir
  66. Paulinha eu ACREDITO em DEUS sim, mas sempre achei que a bíblia foi e é a maior meio de enganar e manipular a população.
    Eu vivo minha vida, as vezes vô na igreja, sempre ajudo os outros, não com a intenção de não ir para o inferno, mas sim porque me sinto bem em ajuda outras pessoas.

    Nossa vida é única, nosso teve é viver ela! pois na vida não vai ter segunda chance

    Eu não gosto muito de rock mas tem um banda chamada forfun que tem um letra muito linda e diz a verdade sobre os seres humanos.

    http://letras.terra.com.br/forfun/921127/

    Embriagada no egoísmo que lhe embaça a visão
    A humanidade enxerga a vida como competição
    O concreto toma conta do que era verde
    Desequilíbrio, miséria, fome e sede
    Essa lógica corrói os seres humanos
    Fode o planeta e seus recursos naturais
    Ignora o fato da existência de outros planos
    E nos afasta de avanços espirituais

    ResponderExcluir
  67. Oi Marcio,
    Estou com problemas com o meu computador, não estou conseguindo deixar comentários. Fico esperando o not do meu filho a noite e às vezes ele quer usar.

    Com relação a perfeição: “Amados, agora, somos filhos de Deus, e ainda não se manifestou o que haveremos de ser. Sabemos que, quando Ele se manifestar, seremos semelhantes a Ele...” (1 João 3.2).

    Refiro-me a perfeição interior, teremos um caráter perfeito. Como deixaremos de aprender se tudo será novo pra nós? Além de que a promessa de Deus é que esta terra será transformada e nós a herdaremos.

    Meu querido, assim como a ciência não pode provar a ninguém o que existe após a morte, eu também não tenho como te provar que existe uma eternidade de uma vez que você não crer na bíblia... Tampouco tenho provas para nada que é subjetivo, no entanto, a subjetividade dos meus sentimentos não dar a ninguém o direito de negar que eles fazem parte de mim, do meu ser.

    Tenho muitos questionamentos com respeito a bíblia, por outro lado, posso dizer que muito dela, tem sido verdadeiro na minha vida, eu não tenho como duvidar daquilo que é real para mim. E por esta estrada continuo caminhando, buscando desfrutar mais daquilo que Deus pode me proporcionar e entender o que é inspiração humana, baseada em cultura, em religiosidade, em história.

    Marcio, existem momentos que minha angustia é quase insuportável com relação ao sofrimento da humanidade e ao sobrenatural, mas tenho encontrado alívio na comunhão com Deus e na esperança que Ele me dar.

    Não foi com pouca leitura e lágrimas que lutei para conhecer um pouco mais de Deus. Como já me disseram muito: eu sou teimosa, não me convenço enquanto houver perguntas.

    Um beijo, compartilho com você dor pela humanidade.
    Te amo querido.

    ResponderExcluir
  68. Diana, não esqueça que o Márcio não morreu e voltou para nos afirmar tal coisa, e que ele não é a última palavra sobre o assunto. Se você crer em Deus, sugiro que você peça a Ele uma revelação clara para o seu espírito. Este é um assunto muito sério para descartarmos com tão pouco, a possibilidade de vida após a morte.

    Leia na confraia a postagem do Márcio: Porque não Prego Bençãos Materiais", meu Deus! Não parece o mesmo.

    Eu amo o Marcio, mas fico triste que ele esteja te passando esta idéia.
    Beijão pra você.

    ResponderExcluir
  69. Entendi amiga DAIANA,

    Compreendo a sua colocação....

    E sei que muitas coisas hoje em dia, até mesmo inseridas dentro das igrejas, são manipuladoras.....

    Mas, o que devemos fazer é apenas semear o nosso amor....pois é no amor que depositamos ao próximo, que revelamos uma grande parte do amor que Deus nos ensina.

    Beijos querida.

    ResponderExcluir
  70. Eu sei amiga Paulinha
    Eu sempre tento semear o amor, ajudo varias pessoas!
    Nós somos à imagem e Semelhança de Deus?
    Então porque nós seres humanos somos tão crueis com nós mesmo? Deus é cruel então?

    É o homosexualismo?
    Como os Gays e Lésbicas vão ser feliz se Deus não gosta que pessoas do mesmo sexo se beijam é fazem sexo !?
    como vou ser feliz se nem posso beijar um menina e nem fazer sexo com ela ??

    Eu acredito que Deus não é contra isso e sim a igreja. A gente não podemos ir contra o nosso próprio pensamento!

    ResponderExcluir
  71. Amiga DAIANA,

    Você diz:

    "Nós somos à imagem e Semelhança de Deus?

    Então porque nós seres humanos somos tão crueis com nós mesmo? Deus é cruel então."

    Eu lhe digo:

    Sim. Somos seres semelhantes à Deus...que é um deus humano...

    Mas algumas pessoas são cruéis à outras, não pela culpa de Deus...Deus não tem culpa nenhuma se você decidir sair hoje da sua casa e resolver dar um tiro em alguém....pois ele nos deu o livre arbítrio, e se ele impedisse tal ato, ele estaria voltando contra à sua determinação e extinguindo o livre arbítrio que temos.

    A questão é...que muitos se preocupam apenas em marcar presença e preencher ponto nos bancos das igrejas ....muitos se preocupam apenas com o que Deus irá lhes dar de recompensa....qual milagre Deus vai fazer na vida deles...

    E é aí que se inicia os primeiros vestígios da CRUELDADE.

    Ela vem a partir do pensamento egoísta.

    As pessoas não têm que se preocuparem consigo mesmas...e nem ficar pedindo só pra si, JÁ vendo que possui uma vida maravilhosa.

    As pessoas têm que pensar no próximo.....amar o próximo.....

    Vingança, todos nós posssímos......mas temos que procurar ser justos o tempo tempo, com o mundo, com os outros e com nós mesmo....

    Quanto ao homossexualismo, ninguém tem culpa de amar alguém do mesmo sexo....

    Deus jamais condenará um ser porque ele simplesmente amou da maneira NÃO-FORMAL.

    Algumas igrejas pregam a crítica, pregam o pré-conceito...pregam todo o tipo de lixo e porcaria, porque na verdade, quem prega...prega a sua VISÃO.

    Põe um HOMOSSEXUAL para pregar ao fiéis...será que ele vai mandar todo mundo da igreja linxar os homossexuais da cidade??!! Não. Ele vai tentar mudar o ângulo da visão dos fiéis.

    É isto que os pregadores fazem com a gente...eles manipulam os ângulos da nossa visão, e nos direciona a enxergar o que eles realmente querem que enxerguemos.

    Beijos querida.

    Seja feliz...e ajude o máximo de pessoas a serem felizes...Deus nos ensina isto!

    ResponderExcluir
  72. Só uma coisa amiga DAIANA,

    Deus NÃO é cruel!!

    Quando colocamos a culpa de Deus em algo...automaticamente, estamos tirando a culpa de cima de nós....

    Eu não posso errar, e colocar a culpa no outro...ATO DE EGOÍSMO.

    Temos que assumir os nossos atos...julgá-los...

    Porque o mundo está cheio de rios poluídos e fedorentos??!! Porque estamos sofrendo consequências do Aquecimento Global??!! Porque as cidades se inundam, estragando diversas casas??!! Porque muitas casas caem de barrancos, desabando tudo...e matando diversas outras pessoas??!!

    Porque as próprias pessoas não pensam nas consequências....e fazem coisas erradas, achando que estão fazendo certas.....pois infelizmente, a ignorância de muitos, os impedem de ter consciência que CERTOS comportamentos deles estão apenas afetando o bem-estar deles e o bem-estar de outros.

    E depois vêm colocar a culpa dos desastres em Deus.

    Santa hipocrisia!!!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  73. PAULINHA GUIOMAR e DAIANA

    Desculpe por até agora não ter respondido vossos comentários....só agora é que me dei conta deles, pois até então não tinha os vistos...como agora estou muito ocupado, prometo que a manhã de manhã eu comento todos.

    Abraços

    ResponderExcluir
  74. Errata:

    Onde está escrito:

    "Vingança, todos nós posssímos......mas temos que procurar ser justos o tempo tempo, com o mundo, com os outros e com nós mesmo...."

    Leia-se:

    "Vingança, todos nós POSSUÍMOS......mas temos que procurar ser justos o tempo TODO, com o mundo, com os outros e com nós mesmoS...."

    É NISTO QUE DÁ TER O RACIOCÍNIO MUITO RÁPIDO...HAHAHAHAHA....

    ...........

    MARCITTO,

    FIQUE TRANQUILO, ENQUANTO VOCÊ NÃO CHEGA PARA SERVIR O JANTAR, A GENTE VAI SE SERVINDO DOS FRIOS! KKKK...

    BEIJOS.

    ResponderExcluir
  75. PAULINHA GUIOMAR e DAIANA

    Vou responder aos seus comentários na ordem em que foram escritos os mesmos...na medida em que for lendo, vou comentando....já aviso que não vou ler todos de uma só vez, para não ser influenciado pelos mesmos, até porque, desejo ver se meus comentários são parecidos com algum dos vossos..testando assim, até que ponto somos semelhantes ou diferentes no pensar.

    Entenderam?

    ResponderExcluir
  76. DAIANA 1

    Sua frase: “Só acredito naquilo que posso tocar ou senti”.

    Entendo que esta é sua opinião....mas entenda os desdobramentos de tal afirmativa....se você levar esta sua frase até as ultimas conseqüências você deixará então de acreditar em Deus, pois nós não o sentimos e nem o vemos.

    No meu ponto de vista, concordo em parte com esta sua declaração.....também assim como você, sou inclinado ao ceticismo, porém isto não faz com que eu exclua totalmente possibilidades que estão além de nossa realidade terrena, apenas não me preocupo se elas existem ou não, pois na vida, isto sim, na pratica da minha existência, trabalho com o que tenho nas mãos.

    ResponderExcluir
  77. ISA

    Que pobreza essa sua...está até parecendo eu, que também já faz muito tempo que não ponho credito no meu celular. rsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  78. ISA 2

    (Para descontrair o ambiente)

    Não saiba que você tinha “celo-lá”....sempre achei que você não tinha mais “celo-lá”...me surpreendi.... rsrsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  79. PAULINHA 1

    Obrigado pelos sinceros e amigáveis elogios.

    ResponderExcluir
  80. PAULINHA 2

    Desculpe ai dona...mas é que a gente é pobre mesmo. Rsrsrsrs

    Coitado do pretinho, isto sim, deve estar com as orelhas pegando fogo de tanto ouvir sua voz no celular. Kkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  81. PAULINHA 3

    Putz! Foi a mesma pergunta que fiz, alias, pergunta não, afirmativa, que escrevi em meu comentário anterior a este, que fiz para DAIANA também.

    Por isso que eu disse que não iria ler todos os comentários de uma só vez para comentar, mas antes, na medida em que fosse lendo iria escrevendo, como estou fazendo, e acertei. Rsrrsrsrs

    PAULINHA mas agora eu é que te pergunto....então a única “prova” da existência de deus e conseqüentemente sua fé nela é a criação?

    E se algum dia a ciência conseguisse provar por A+B concretamente que toda criação, venho por exemplo, de alguma explosão atômica, ou seja, pelo acaso mesmo, então você deixaria de acreditar em deus?

    Aguardo sua resposta............

    ResponderExcluir
  82. DAIANA 2

    Tudo bem que você acredita em Deus, porém então você precisa rever a sua afirmativa lá em cima e meu comentário ao mesmo, antes de dizer que só acredita no que vê e sente.

    O resto de seu comentário está magnífico....inclusive até assino embaixo menina....agora me diz uma coisa...você disse em um de seus primeiros comentários, que lendo nossas postagens você se libertou das idéias doentes e paranóicas dos crentes...quero saber se foi somente lendo nossas postagens que ocorreu esta mudança em sua vida...para nós é importante saber disto, pois escrevemos mesmo para ajudar as pessoas a se libertarem de toda opressão e manipulação religiosa.

    ResponderExcluir
  83. GUIOMAR 1

    Que pena que você esta com problemas em seu computador...pois quero que saiba minha amiga GUIOMAR que indiferentemente você discordar ou não de nós, você já se tornou uma presença marcante e constante em nosso blog, precisamos de você por aqui.....obrigado.

    Entendo seu ponto de vista....mas ainda sim, uma pergunta perdura...se tudo será novo na vida após a morte, teremos lembranças do nosso passado?

    Você não acha que esta doutrina da perfeição não transforma o homem que é inerentemente perfeitamente imperfeito em robô?

    Como ter certeza que esta promessa de novos céus e novas terras é realmente de Deus, uma vez que quem escreveu foi o homem?
    Você não acha que estes escritos que falam de promessas de uma vida melhor não seriam utopia e desejo humano e não revelação de Deus?

    Pois para um homem como João preso solitariamente em uma ilha durante anos, vivendo um contexto de altíssima perseguição do império romano, que presenciou centenas de sofrimentos e crueldades, ter tido uma “revelação” de céu com ruas de ouro e cristal, não seria na verdade fantasias irreais de uma mente no limite humano, que para amenizar seu sofrimento precisava ficar sonhando com isto???

    Mas a prova quem tem que dá é justamente quem afirma ter vida após a morte, você não acha?
    Como a ciência conseguirá provar que não existe vida após a morte, se justamente não existe?
    É a mesma coisa eu tentar provar que não existe E.T, se não existe mesmo, como conseguirei?

    GUIOMAR eu também desejo ardentemente que nós viéssemos viver depois da morte, mas isto não faz com que eu acredite que exista, apenas torço, mas não acredito...porém respeito sua fé, nós só estamos refletindo, ok?

    Obrigado GUIOMAR...pois também sou solidário com a raça humana em sua dor e crise.

    Beijos

    ResponderExcluir
  84. MENINAS....daqui a pouco eu volto para dar continuidade em comentar todos os vossos comentários minhas flores que perfumam e embelezam esse jardim.

    Agora vou tomar café da manhã porque ninguém é de ferro né?

    ResponderExcluir
  85. GUIOMAR 2

    Minha linda não fique triste comigo, aqui nosso intuito e levar as pessoas a refletirem, e fazemos isto principalmente questionando dogmas considerados sagrados e intocáveis, pois a grande pergunta que temos que fazer diariamente nós mesmos é: “como sei o que sei ser realmente o que sei?”...entendeu?

    Você GUIOMAR acredita em céu e inferno porque foram estes os ensinamentos que você recebeu, mas se você fosse de uma família espírita acreditaria em reencarnação, por isso que é importante, não deixar de acreditar, mas se vai acreditar mesmo então questione, duvide e pondere para depois abraçar qualquer idéia religiosa.

    Uma das provas contra esta idéia de vida após a morte é justamente que ninguém que morreu veio de lá para nós dizer como é.

    GUIOMAR pense comigo: Se você ora a deus por uma revelação, você já vai inclinada a recebe-lá, portanto qualquer impressão que você tiver, será para você uma revelação.

    Você já conversou com pessoas que afirmam categoricamente que deus falou com elas?
    Pois eu já, é este fenômeno é fácil de explicar...as pessoas que afirmam isto são que na verdade ouviram a voz de suas mentes, e atribuíram a deus, por justamente estarei inclinadas a ouvirem a voz de deus.

    Vou te dar mais um exemplo: quem quando criança, não chegou a ouvir passos e ver vultos em sua casa por justamente pensar demais nisto, então o cérebro reage criando essas sensações espirituais.

    Quanto à radical e extremada diferença entre a postagem que pus na confraria com esta daqui... esta na sua respectiva data.....uma que é a que eu coloquei na confraria, foi escrito a um ano atrás, já esta, foi a uma semana...por isso que eu disse justamente nesta postagem que somos pessoas em estado de constante metamorfose...tanto do corpo como da mente.

    Abraços

    ResponderExcluir
  86. PAULINHA (nem sei mais qual é o numero. Rsrsrsrs)

    Sua frase: “é no amor que depositamos ao próximo, que revelamos uma grande parte do amor que Deus nos ensina”.

    Minha resposta: Onde e como sabemos o amor que deus nos ensina a semear?

    ????????????

    ResponderExcluir
  87. DAIANA (também já não sei qual é o numero)

    Que bom que você tenta ajudar varias pessoas...continue a fazer isto sem esperar recompensas ou se livrar de uma possivel condenação, se não, você estaria apenas usando as pessoas como meros objetos – sei que este não é o seu caso, não é mesmo?

    Quanto a suposta idéia de sermos a imagem e semelhança de deus, não passa também de especulação, porque quem é deus?
    Não sabemos e talvez nunca saberemos...portanto, não podemos sustentar tal afirmativa.

    Mas quem disse que “deus não gosta de que pessoas do mesmo sexo se beijem e sejam felizes” são as pessoas e não deus mesmo, pois deus DAIANA se existe mesmo esta como sempre esteve...em silencio total!!!!

    DAIANA não sei se isto esta acontecendo com você, mas entenda que deus não interfere em nossas vidas, quem faz isto são as pessoas e o pior, agem em nome de deus, sendo que o mesmo nunca disse tal coisa, portanto minha linda seja feliz!!!

    ResponderExcluir
  88. PAULINHA

    Como é???
    Deus é humano???
    Como você sabe????

    No restante de seu comentário assino embaixo.

    ResponderExcluir
  89. PAULINHA novamente

    Devemos olhar, esperar menos em deus e direcionar ao homem, pois nós e não deus, somos responsáveis pela terra e por nossa vida, portanto, deveríamos menos pensar em deus e pensar mais em nós mesmos.

    ResponderExcluir
  90. MARCIOOOOOOOOOOO....

    Eu vou te matar!!! kkkk....

    Mas vamos lá!!

    ResponderExcluir
  91. MARCITTO 1

    Por nada! Elogiar é o que sei fazer de melhor....kkkkkkkkk..

    ResponderExcluir
  92. MARCITTO 2

    A minha intenção é esta mesma....fazer a orelha do pretinho norEdson pegar fogoooo no telefone....hahahaa....ninguém mandou ele gostar tanto de ouvir a minha doce voz e se viciar nela...hahaah.....

    ResponderExcluir
  93. MARCITTO 3

    SUA FALA:

    "[...]então a única “prova” da existência de deus é conseqüentemente sua fé nela e a criação?

    E se algum dia a ciência conseguisse provar por A+B concretamente que toda criação, venho por exemplo, de alguma explosão atômica, ou seja, pelo acaso mesmo, então você deixaria de acreditar em deus?"

    MINHA FALA:

    Para mim, a única prova da existência de Deus, é a Criação.

    A minha fé, é apenas fé...ela não PROVA nada.

    A FÉ não faz existir alguma coisa (embora eu pense que exista), mas também não exclui a existência de alguma coisa....a FÉ trabalha o pensamento...a crença.

    Por exemplo, se eu tenho fé suficiente para crer que o meu milagre vai chegar amanhã, isto quer dizer que ele VAI CHEGAR AMANHÃ????? É óbvio que não.

    Mas se tenho fé em algo, com certeza a minha fé me faz crer que algo é real...que algo vai acontecer....mesmo que este algo seja irreal, ou que não vá acontecer.

    QUANTO À CIÊNCIA...SE ELA PROVAR QUE NÃO VEIO DE DEUS A CRIAÇÃO, MAS DE UMA EXPLOSÃO ATÔMICA..

    Pois bem....se provarem que a criação não veio de Deus, o que me provaria a existência dele????!!!

    Somente o seu aparecimento. Certo??!

    Então, eu justifico a tal hipótese: Se Ele não criou a criação...se Ele não apareceu pra ninguém e se não vier a aparecer para ninguém...eu concluo, que não acreditarei mais na existência deste deus, pois não há mais motivos para crer num deus, que não conseguiremos ter ao menos uma partícula (seja de esperança ou não) da sua existência.

    ResponderExcluir
  94. MARCITTO 4

    SUA FALA:

    "Onde e como sabemos o amor que deus nos ensina a semear?"...

    Na Bíblia. Excluindo a bíblia, em nenhum outro lugar.

    Vejamos um exemplo neste fragmento bíblico:

    "Amados, amemo-nos uns aos outros; porque o amor é de Deus; e qualquer que ama é nascido de Deus e conhece a Deus.
    Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor".

    (1 João 4: 7,8).

    ResponderExcluir
  95. MARCITTO 5

    SUA FALA:

    "Como é???
    Deus é humano???
    Como você sabe????"...


    hahahahahaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa........

    Deus é um deus humano (QUE SE RELACIONA HUMANAMENTE) e não HUMANO (HOMEM).

    Digo isto, pelo fato de ter enviado o seu filho em forma humana...e creio, que Ele nos ouve, nos entende HUMANAMENTE....então ele se relaciona humanamente conosco.

    Isto é só um devaneio Marcinho, EU NÃO SEI DE NADA...hahah...não ME encheee se não explodo!!! kkkkkkkkkkk...

    ResponderExcluir
  96. MARCITTO 6

    SUA FALA:

    "Devemos olhar, esperar menos em deus e direcionar ao homem, pois nós e não deus, somos responsáveis pela terra e por nossa vida, portanto, deveríamos menos pensar em deus e pensar mais em nós mesmos".

    CONCORDO, MAS COMPLEMENTO NO FINAL:

    Devemos olhar, esperar menos em deus e direcionar ao homem, pois nós e não deus, somos responsáveis pela terra e por nossa vida, portanto, deveríamos menos pensar em deus e pensar mais em nós mesmos E NO PRÓXIMO, POIS SEM O PRÓXIMO NÃO SOMOS QUASE NADA, E O PRÓXIMO SEM NÓS NÃO SÃO QUASE NADA, POIS ESTÁ PARA NASCER AQUELE CAPAZ DE VIVER EM PLENA SOLIDÃO!!!.

    HAHA...

    Beijossssssssssss...adorei este debate...manda mais!!!

    ResponderExcluir
  97. MARCITTO 7

    TE ESPERO NO MANANCIAL, POIS PENSA QUE NÃO ESTOU ANALISANDO ESTA SUA PREGUIÇA DE COMENTAR LÁ?! HAHAHAA....

    PODE VOLTAR LÁ, E COMENTAR A MINHA POSTAGEM EM SI.

    ISTO É UMA ORDEM!! SENÃO VOU IMPLODIR O "OUTRO EVANGELHO" HAHAHAHAHAHAHAAA.....UM POUCO MAIS DESTA GARGALHADA SARCÁSTICA E CRUCIAL...HAHAHAHAHAAAAAAAAAAAAAAAAAA.....

    BEIJOS E FONDUE DE MORANGO COM CHOCOLATE!!

    ResponderExcluir
  98. PAULINHA (Introdução..)

    Como te disse lá na sua sala, realmente você mudou e ainda mudará mais....porém, fui esperto e consegui pegar algumas “falhas” sua nestes comentários.....quero aproveitar o pouco que resta em você de fundamentalista para nós debatermos, pois daqui a pouco, você deixará por completo de ser e ai.....este blog ficará sem graça sem a “velha” PAULINHA. Rsrsrsrsssr

    Só quero te lembrar que isto aqui tudo é apenas uma troca de idéias em um debate, que na verdade não sairá um vencedor e outro perdedor, pois serão apenas pontos de vistas diferentes.

    ResponderExcluir
  99. PAULINHA 1

    Se elogiar é o que você sabe fazer de melhor...então logo, o pretinho tá bem na fita, pois qual o homem que não gosta de ser elogiado? Rsrsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  100. PAULINHA 2

    Que eu saiba ele até te deu um chip da TIM para ouvir por mais tempo sua doce voz...então que ele agora venha “segurar o B.O”. rsrsrsrssrsrsrs

    ResponderExcluir
  101. PAULINHA 3

    Você traçou um paralelo para explicar a fé entre o milagre e a criação, sendo que no primeiro você disse que por ter fé que o seu milagre chegará amanhã, ele pode não chegar, pois fé faz você acreditar em uma determinada coisa, sem que ela necessariamente exista, porém, mesmo que você creia e o milagre não chegue, você ainda continuará crendo.

    Então não deveria ser assim também, caso a ciência consiga algum dia provar que a criação veio do acaso?

    Esta sua fé em deus por causa da criação, não deveria ser considerada como fé mesmo, pois ela – sua fé – esta dependente de uma prova factual, o que anularia a fé, pois a fé é cega, não precisando ser provada e nem muito menos perdida por causa de fatos.......logo, você ainda considera sua fé como fé?

    Ou na verdade ela é muito mais uma razão, por necessitar de fatos concretos????

    Uma constatação:
    PAULINHA do céu....você esta caminhando ao lado do abismo do ateísmo minha filha!!!!
    Cuidado...dai para virar ateu é um passo só!!!

    ResponderExcluir
  102. PAULINHA 4

    Se a bíblia é o lugar que deus ensina a amar...então logo você acredita que a bíblia é uma escritura vinda de deus???

    Quer dizer que deus ama, pois se ele nos ensina a amar, logo ele deveria também amar???

    Deus então tem sentimentos como os nossos?
    Então ele é um ser pessoal como nós???

    ResponderExcluir
  103. PAULINHA 5

    Como você sabe que deus se relaciona conosco??? Você já ouviu a sua voz??? Já viu ele cara a cara??? Já passeou com ele na praça ai em campinas??? Então como você pode afirmar que deus se relaciona conosco???

    Se Jesus é filho de deus, então logo ele é divino???
    Por acaso PAULINHA você ainda acredita que Jesus é deus???

    Mas o que adianta ele nos ouvir e nos entender – como você mesma afirma – se ele não faz nada para nos ajudar???

    PAULINHA tenho que admitir.....nem parece a mesma pessoa que fez o comentário anterior sobre a criação....naquele você estava caminhando ao lado do caminho ateísta....mas aqui, você se arrependeu e volto de vez para o caminho da fé cega e do fundamentalismo. Kkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  104. PAULINHA 6

    Mas se nós entrarmos por este caminho do humanismo chegaremos a uma simples, porém assustadora constatação: pra que, nós ainda precisamos de deus???

    Se o mundo é totalmente de nossa responsabilidade, estando em nossas mãos e deus não interfere em nada, nem para bem e nem para mal, qual o valor de deus para a humanidade então???

    Se não dependemos de deus, logo não precisamos mais dele também, você não acha???

    PAULINHA aqui de novo, você teve uma recaída para o lado do ateísmo....agora você me deixou totalmente confuso com sobre como você pensa......será que você ainda é fundamentalista ou já esta se transformando em ateu????

    Estou mandando mais PAULINHA....mas agora vou esperar pelas suas respostas para darmos continuidade.....o legal que nesta nossa troca de idéia, não somente você revela os seus pensamentos para mim, como para você também......tanto é, que acho que você nunca imaginou nem na hipótese de virar ateu, mas alguns comentários feitos por você, se não fazem você de ateu ainda, deixam você bem próximo dele. Rsrsrsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  105. PAULINHA 7

    Quando leio um texto que concordo com ele, não há muito o que comentar, porém vou tentar aparecer lá mais vezes....

    Valeu pela fondue de morango com chocolate...ainda que fique só nos comprimentos. Rsrsrsrs

    Caramba PAULINHA até aqui você fica pensando em guloseimas...desse jeito você acabar ficando gordinha. Kkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  106. MARCINHO (Introdução...)

    Eu entendo que nosso debate é apenas para intuito de trocarmos idéias e pensamentos, e consequentemente, você conhecerá minha maneira de pensar sobre determinados assuntos, e eu conhecerei ainda mais a sua maneira de pensar sobre outros determinados assuntos....

    Quero frisar...que você precisa ter muita paciência e calma comigo, pois sei que tenho muito a aprender com você, até mesmo porque, perto de você eu sou "fichinha".....mas se você for nesta velocidade da luz, eu vou só ficar chupando dedo....hahahaaaaaaaaaaa...

    Muita calma nesta hora!! rs....

    Deixe-me pensarrrr....e pisar no acelerador agora.....rs...

    ResponderExcluir
  107. MARCINHO 3

    SUA FALA:

    "Então não deveria ser assim também, caso a ciência consiga algum dia provar que a criação veio do acaso?"

    MINHA FALA:

    RETOMANDO UM PEDACINHO (que já tinha dito) para eu me localizar no raciocínio...

    Se o milagre não vier HOJE, continuarei crendo nele ...crendo que um dia ele virá...logicamente, porque a minha fé tem esta resistência, de manter o meu pensamento positivo e repleto de esperanças, que o milagre não veio HOJE..mas ele ainda pode vir, mesmo que não venha.

    No caso da criação, eu já vou lhe revelar uma coisa, que sempre mantive, e que não disse antes...

    Para mim a ciência sempre terá um ponto vago....mesmo que os homens façam os mais apropriados estudos, sempre haverá um porque a mais...uma pergunta pendente......pois existe ainda no ser racional uma impotência sobre a subjetividade do universo.....sobre o estudo científico que abarcam suas diversas análises científicas.

    Mas se um dia vierem a provar que a criação veio do acaso (explosão), eu confesso que não acreditarei 100% na ciência....ficarei com um pé atrás....

    Mas eu já disse, mil vezes, que se um dia eu tiver a certeza absoluta e convicta de que este deus não existe, não sei como será provado, se é que algum dia será provada a inexistência deste deus....eu não mais crerei neste deus, porque se ele não mais existir, no que vou crer??!! não tenho mais motivos para crer em um deus que já foi PROVADO que não existe.

    É igual o milagre....se me provarem amanhã, que o milagre NÃO existe e nunca existiu...eu nunca mais pensarei em milagre em toda a minha vida.

    Alimento uma fé, em algo que sei que provavelmente pode existir ou venha existir.

    Se PROVAR a inexistência...não tenho mais porque alimentar uma CRENÇA em vão.

    Mas como sei que a ciência não é segura e nem tão pouco confiável...eu permaneço com a minha crença e fé saudável....

    SUA FALA:

    "[...]sua fé – esta dependente de uma prova factual, o que anularia a fé, pois a fé é cega, não precisando ser provada e nem muito menos perdida por causa de fatos.......logo, você ainda considera sua fé como fé?"

    MINHA FALA:

    A fé não é cega se for saudável, mas é cega se for ingênua e doentia.

    Uma fé te faz crer em algo, e que ele provavelmente EXISTE...mesmo que não exista.

    A fé pode AUMENTAR como também pode DIMINUIR...

    A fé pode EXISTIR como também pode deixar de EXISTIR...

    Pois o que alimenta a fé??!!! Nada mais, nada menos que o seu próprio pensamento.

    Eu considero a minha fé, como uma fé saudável...creio na existência de Deus, e nem me preocupo com a inexistência dele....a questão é que, a minha fé não me CEGA ao ponto de me crer em um deus de barro...pis a isto não chamo de fé, mas sim de "ingenuidade hipócritamente dependente".....voeii agora...kkkk

    ResponderExcluir
  108. MARCINHO 4

    SUA FALA:

    "Se a bíblia é o lugar que deus ensina a amar...então logo você acredita que a bíblia é uma escritura vinda de deus???"

    MINHA FALA:

    A bíblia não é uma escritura vinda de deus, no sentido de que não foi ele que escreveu e/ou editou este livro.

    SUA FALA:

    "Quer dizer que deus ama, pois se ele nos ensina a amar, logo ele deveria também amar???"

    MINHA FALA:

    Ele não DEVERIA nos amar porque nos ensina amar. Isto não tem coerência.

    Mas, por exemplo, vendo por um outro ângulo, se uma pessoa ensina amar ou fala de amor, obviamente é porque ela quer semear este sentimento, mesmo que nela esteja inserida ou não este sentimento.

    Se ensino para meus alunos, que deve-se amar e respeitar os coleguinhas de sala, automaticamente, estou levando-os à refletir um pouco mais sobre o amor...mesmo que eu não os AME tanto assim....mas também nada exclui o meu amor por eles, até mesmo porque, se estou ensinando-os a amar e respeitar, no intuito de viverem em harmonia, é porque literalmente eu tenho um certo amor e carinho por eles, pois se não tivesse, mandaria todos pra PQP você não concorda???!!! hahah...

    SUA FALA:

    "Deus então tem sentimentos como os nossos?
    Então ele é um ser pessoal como nós???"

    MINHA FALA:

    Não sei....não posso saber.

    na verdade, creio que não....mas como saber???!! rs...

    ResponderExcluir
  109. MARCINHO 5

    Não sei e nem nunca AFIRMEI que Deus se relaciona conosco...sempre sugeri esta hipótese, pois também não podemos eliminá-la, certo??!!

    QUANDO cito esta relação, apenas sugiro que este deus pode ou terá algum dia um modo de se relacionar. Como não conheço este modo, eu penso e penso....e viajo em meus devaneios....mas nunca em hipótese alguma, eu estou afirmando algo, até mesmo porque, longe de mim afirmar alguma coisa que está fora do meu contexto.

    SUA FALA:

    "Se Jesus é filho de deus, então logo ele é divino???
    Por acaso PAULINHA você ainda acredita que Jesus é deus???"

    Jesus para mim é divino mas não deus....divino no sentido de ter sido sublime...excelente, nobre em seus atos e em sua palavras ....Jesus foi agradável, encantador, e inspirou sentimentos nobres.

    SUA FALA:

    "Mas o que adianta ele nos ouvir e nos entender – como você mesma afirma – se ele não faz nada para nos ajudar???"

    MINHA FALA:

    Não sei se algum dia ele já ajudou alguém, pois se ele ajudou UM isto significa que ele ajuda pelo menos...E NÃO POSSO GENERALIZAR, e para ter CONVICÇÃO que ele NUNCA ajudou NINGUÉM eu precisaria falar com TODO o MUNDO. CERTO??!!

    Pois até então, posso falar APENAS por mim ou pelas pessoas que me cercam.

    Agora, neste ponto ainda continuo a Paulinha fundamentalista, pois eu creio que ele pode fazer algo, mas nós também somos seres pensantes o suficiente pra ficar com biquinho porque este deus vai ou não vai nos ajudar...cada um que se vire.

    ResponderExcluir
  110. Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii meu Deus vem me abduzirrrrrrrrrrrrrrrrrrrr!!!...rsrsr....

    Vou até buscar uma água!! Afff...

    ResponderExcluir
  111. MARCINHO 6

    SUAS PERGUNTAS E MINHAS RESPOSTAS:

    "Mas se nós entrarmos por este caminho do humanismo chegaremos a uma simples, porém assustadora constatação: pra que, nós ainda precisamos de deus???"

    LITERALMENTE, PARA NADA.

    Se o mundo é totalmente de nossa responsabilidade, estando em nossas mãos e deus não interfere em nada, nem para bem e nem para mal, qual o valor de deus para a humanidade então???

    NENHUM.

    Se não dependemos de deus, logo não precisamos mais dele também, você não acha???

    NÃO SÓ ACHO, COMO TENHO CERTEZA.

    ............

    SUA FALA:

    "PAULINHA aqui de novo, você teve uma recaída para o lado do ateísmo....agora você me deixou totalmente confuso com sobre como você pensa......será que você ainda é fundamentalista ou já esta se transformando em ateu????"

    MINHA FALA:

    TODOS NÓS CARREGAMOS DENTRO DE NÓS UM PENSAMENTO ATEÍSTA.

    QUEM NUNCA ELIMINOU A EXISTÊNCIA DE DEUS?! HUMMMMMMMMM.........

    A QUESTÃO É QUE AS PESSOAS PREFEREM PENSAR QUE DEUS SEMPRE EXISTIU E SEMPRE EXISTIRÁ, PORQUE NA VERDADE, ELAS NA DEPENDÊNCIA, TÊM MEDO DE EXCLUIR A EXISTÊNCIA DESTE DEUS.

    QUANDO, AUTOMATICAMENTE, EM MEU PENSAMENTO EXCLUO A EXISTÊNCIA DESTE DEUS...ASSUMO O PENSAMENTO DE UM ATEU.

    LOGO, CONCLUO QUE DENTRO DE MIM, EXISTE DUA PARTES, UMA ATEU E UMA FUNDAMENTALISTA.

    MAS, SE EU PARAR DE PENSAR, E ENGESSAR O MEU PENSAMENTO, LOGICAMENTE QUE SEREI FUNDAMENTALISTA PELO RESTO DOS MEUS DIAS.

    ResponderExcluir
  112. MARCINHO 7

    Obrigada por ter ido ao mANAncial, fiquei muito feliz!!!!

    Quanto ao morango com chocolate, foi só para acalmar os nervos...dizem que chocolate é muito bom para acalmar, por isto mesmo vou correndo procurar um chocolate naquela cozinha, porque estas suas indagações inquietantes me sufocaram ao extremo dos extremos da zona sul (ops, acho que o Edson mora por este rumo)...kkkkkkkkkkk...

    ResponderExcluir
  113. MARCINHO 8

    Quanto às guloseimas, não tem mais perigo de eu ficar gordinha, pois este perigo já aconteceu...hahahahah...

    Mas agora quero te fazer umas perguntinhas...vamos lá:

    1) Você diz que a fé é cega (não me lembro em qual comentário, mas disse).....fé CEGA, pelo que entendi na sua colocação, é aquela que faz CRER em algo independente da sua existência ou do seu acontecimento....

    Você continuaria crendo em Deus se caso provassem que a criação vem do acaso?! Inserindo-se na fé CEGA?? OU você já excluiu a FÉ literalmente?!

    2) Porque e para que motivo você ainda crê em Deus, o que te faria desistir desta crença?!

    3) Você é de acordo, quando eu digo que você caminha lado a lado com o ateísmo...e se você tropeçar, você ultrapassa a linha, indo para o lado dos ateus?!
    Pois se deus não interfere na sua vida, você não tem o porque de precisar dele.....se ele não te ouve, você não fala com ele.....
    ...o que te prende em Deus, se você já tem todas estas convicções de que Deus está lá nem sei aonde....mas em NADA ele interfere????!!

    5) Quando seu filhinho inocentemente, um dia estiver fazendo uma oração para o papai do céu, porque a professora ensinou a turminha dele no colégio, o que você vai dizer a ele?? Que ele está perdendo o tempo dele, e que papai do céu nem está dando moral pra ele?!

    Desculpe pela última pergunta, mas eu penso muito nas minhas crianças....e sei que muitas ali acreditam que papai do céu existe....eu estou no meu direito dizer a todas elas que ele pode até existir, mas só faz peso no existencialismo??!! Porque ele nunca ouviu nenhuma delas??!!

    Eu nunca saberei se Deus ouviu ou não...se ele respondeu ou não....algum dia, para algum filho seu...

    Isto é totalmente fora do meu e do nosso contexto.

    Beijos querido.

    ResponderExcluir
  114. Nossa...esqueça os números das questões acima e leia apenas as questões!! hahaha......

    Estou mais pra lá, do que pra cá....

    Fuiiii....

    ResponderExcluir
  115. PAULINHA

    Estou passando por aqui, para te dar uma satisfação, pois eu reconheço e parabenizo você por seu empenho e esforço em prontamente responder minhas perguntas, num dialogo apenas para refletirmos, e não para disputarmos que vencerá, pois nós dois sairemos vencedores, pois estamos aprendendo um com o outro.

    Mas em fim, passei aqui para te dizer que hoje eu tentei comentar, mas por algum motivo ainda desconhecido por mim, não consegui postar os meus comentários no blog – acho que deu algum problema, e amanhã, estarei saindo de casa as 6:00 hrs da manhã para ir ao Hospital das clinicas para passar no oftalmologista, portanto, tenha paciência, pois demorarei um pouco para responder aos seus comentários.....mas pode esperar que eu vou comentar...tá bom???

    Abraços

    ResponderExcluir
  116. TUDO BEM MEU AMIGO...

    TODOS OS BLOGS (DE ONTEM PARA HOJE) ESTAVAM COM PROBLEMAS NAS POSTAGENS DE COMENTÁRIOS....FOI UM ERRO NO BLOGGER EM GERAL....

    ASSIM QUE VOCÊ PUDER, ESTAREI NO AGUARDO....MAS NÃO PRECISA SE DESDOBRAR SOMENTE PARA SATISFAZER A MINHA NECESSIDADE COMPULSIVA EM DEBATER....KKKKKKKKKKKKK......VAI CONFORME DÁ, ENTENDO E COMPREENDO QUE VOCÊ TÊM MUITO TRABALHO, FILHO, ESPOSA E TUDO MAIS PARA DAR A SUA DEVIDA ATENÇÃO.

    ESPERO QUE DÊ TUDO CERTO NA CONSULTA AO MÉDICO, E QUE VOCÊ OBTENHA SUCESSOS EM TUDO O QUE PRECISAR FAZER.

    ABRAÇOS QUERIDO.
    DÁ UM BEIJO NA TILA...É TILA NÉ??!! RS...MINHA CABEÇA NÃO ANDA MUITO BEM ESTES DIAS...

    ResponderExcluir
  117. Olá Marcio,

    Estou esperando meu filho formatar o computador.

    Caio Fábio certa vez levou ao programa Pare e Pense um sujeito que morreu e viu tudo que aconteceu no seu velório, mas ele ressuscitou. Esta não foi uma experiência isolada, conheci outras pessoas que morreram literalmente, viram seu corpo deitado e seu espírito se indo, minha mãe foi uma delas. Você pode optar por dizer que elas quiseram ver isto, tenho certeza que não, somente alguém que perdeu seu último fio de esperança pode desejar a morte e nem sempre tem coragem de tirar a sua própria vida.

    Você disse que a ciência jamais provará que existe outra vida, porque não existe. Mais uma vez lhe pergunto quem lhe provou isto? Você responde: não tem o que provar porque não existe. Novamente pergunto: Como você pode garantir? Simplesmente porque você acredita nisto, embora lá no fundo do seu coração pode vir as vezes a dúvida: e se existir? Em nome dessa dúvida continue buscando...
    Eu creio em Deus com todo meu coração, com toda a minha alma, com todo meu entendimento e creio da mesma forma no céu e no inferno.
    Creio em Deus porque Ele tem sido verdadeiro em minha vida e de milhares e milhares de pessoas que acreditam nEle: pretos, brancos, pardos, ricos, pobres, cultos, incultos, até mesmo muitos cientistas.

    Se dissermos que tivemos uma resposta de Deus para um desejo do nosso coração, você responde: porque você queria isso. Ai Marcio se tudo que desejássemos de todo coração acontecesse em nossas vidas, quem sabe haveria muito mais dor neste mundo. No entanto, quantas e quantas vezes Deus me falou coisas que iriam acontecer com alguém tanto boas quanto as ruins e eu vi literalmente se cumprir.
    Uma delas, foi sobre um casal de outro estado, bem longe do meu. Deus me falou claramente que o homem iria morrer, e me disse o porque. Pouco tempo depois eu estava em um evento muito festivo em uma cidade perto da cidade que moro, estava feliz, vendo o maravilhoso resultado de um trabalho que meu irmão fez e celebrando com ele, de repente me invadiu uma tristeza que nada me alegrava o coração, eu não podia imaginar o que seria, mas era uma sensação de perda, me entreguei, no entanto ao momento e superei aquela tristeza. No outro dia ao abrir meu e-mail, a notícia: aquele homem havia morrido exatamente naquele momento que a dor invadiu meu coração, uma morte súbita, inesperada e eu nunca compartilhei nem mesmo com a esposa dele a razão.

    Queria conversar com você por skype, tenho experiências marcantes de respostas de Deus. Amo a direção sábia dEle na minha vida e da minha família. Não sou fanática, não vivo atrás de profeta e não dou atenção a profetada, não me impressiono com sonhos, nem visões, nem mesmo freqüento alguma igreja, mas minha comunhão com Deus é diária, não largo Ele, amo acordar e elevar meu coração a Ele antes de fazer qualquer outra coisa nesta vida.

    Abração amigo, gosto mais de vc aqui. Fica mais séria a conversa.

    ResponderExcluir
  118. Oi Marcio, o que voce me diz: fui convidada para pregar em uma reunião, quando eu estava falando, entrou um menino de rua com um dente inflamado, parecia ter uma laranja pequena na boca. Sentou na primeira cadeira, pertinho de mim, foi quando eu ouvi claramente uma voz na minha mente dizendo: ora por ele para que ele seja curado e saiba que eu o amo. Pensei: é coisa da minha cabeça e continuei falando, mas não fiquei tranquila, no entanto não tinha fé para fazê-lo, resolvi obedecer, coloquei a mão na bochecha dele e orei. Fiquei maravilhada não só eu, mas todos quantos viram, o menino ficou totalmente curado.

    Venha você me dizer: foi o que você queria, e eu te digo eu queria poder chegar no SUS e ver todos os pobres, miseráveis curados...

    Marcinho, eu vi e cri e vou continuar crendo, porque tenho fatos fortíssimos para crer que o Meu Deus é vivo e atuante!

    Te amo cara. Beijão.

    Guiomar Barba Este adoração quer o que so?

    ResponderExcluir
  119. Cheguei PAULINHA para nosso debate com alguns dias de atraso...mas como hoje é sábado e eu não trabalho, finalmente vai dar para nós darmos prosseguimento em nosso caloroso e aproveitoso debate. Hehehehehe

    ResponderExcluir
  120. PAULINHA introdução

    Ainda bem que você entendeu minha proposta de simplesmente buscar e promover reflexões através de debates como os nossos.

    ResponderExcluir
  121. PAULINHA 1

    Entendo e até concordo com sua analise sobre a ciência que muito provavelmente não conseguirá prova a não existência de deus...pois a crença em deus é como fadas, duendes e Ets, pode se provar que eles não existem? Mais é claro que não, pelo simples motivo deles não existirem...como se provará então que não existe algo que não existe?

    Deus existe na fé das pessoas, portanto ela é cega no tocante a exigência de provas...crê mesmo sem ter provas.
    O meu pensamento hoje PAULINHA é o pensamento agnóstico que não é ateu e nem cristão, que não busca provar nem a existência como também a inexistência de deus....vivo a vida hoje sem as ilusões religiosas da fé, como também sem o ceticismo do ateísmo, antes com a não preocupação e indiferença entre esses dois pólos.

    Desculpe-me PAULINHA, mas esta sua fé de que o milagre poderá chegar amanhã, ela não é cega??

    Como você pode dizer que a fé de uma pessoa em uma imagem de escultura é cega, e a sua no milagre é saudável, se as duas são nutridas pela esperança do sobrenatural?

    PAULINHA, você não acha que tanto a fé das pessoas numa imagem, quanto a sua, não passam de criações mentais?

    ResponderExcluir
  122. PAULINHA 2

    Sua fala: “A bíblia não é uma escritura vinda de deus, no sentido de que não foi ele que escreveu e/ou editou este livro”

    Minha resposta: Então eu não entendo como ela pode ser considerada ainda de deus...como???


    Sua fala: “Ele não DEVERIA nos amar porque nos ensina amar. Isto não tem coerência”.

    Minha resposta: Mas como não tem??? Então para que ele nos ensinaria a amar, se ele mesmo não ama?? Então porque você escreveu este versículo no seu comentário anterior: “Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor".

    Se você não acredita nisto, porque então você escreveu o versiculo bíblico acima???

    Não entendo....?????

    ResponderExcluir
  123. PAULINHA 3

    Se você não tem certeza de que deus já ajudou alguém, como nutrir ainda esperanças de que ele vai te ajudar???

    PAULINHA nós não devemos acreditar que deus ajuda alguém, pelo simples motivo de que ele não ajuda milhões de necessitados que morrem de fome, acidentes, catástrofes e doenças, então sendo assim, como ainda ter esperança de que ele vai nos ajudar???? No que somos diferentes do resto do mundo, para ele não ajudar milhões, mas ajudar a nós???

    Só pelo simples fato de já existir crianças inocentes que são estupradas, que morrem de fome, ou sofre acidentes sem deus as livrar, não seria então nobre de sua parte PAULINHA você deixar de acreditar e de esperar em milagres vindos de deus???

    ResponderExcluir
  124. PAULINHA 4

    Vai lá e tome sua água...respira fundo...reflita e depois venha e responda minhas indagações. Rsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  125. PAULINHA 5

    Minha nossa senhora!!! Foi você mesmo que escreveu isto aqui!!! Não dá para acreditar!!!
    Você concordando com minhas perguntas de que nós não precisamos de deus!!!!

    Vou pegar sua frase principal deste comentário: “MAS, SE EU PARAR DE PENSAR, E ENGESSAR O MEU PENSAMENTO, LOGICAMENTE QUE SEREI FUNDAMENTALISTA PELO RESTO DOS MEUS DIAS”.

    Minha resposta: Espera um pouco ai!!! Você lá em cima, em um dos seus primeiros comentários, você me disse que a “fé vem do pensamento”, como pode ser isto, se você agora disse que se você pensar você viraria ateu, mas se você não pensasse mais, você ficaria sendo fundamentalista e portanto, continuaria crendo com sua fé.

    E agora, quem é que esta certa??? Esta ou a outra PAULINHA???? Rsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  126. PAULINHA 6

    De nada. É sempre uma enorme satisfação para mim, ler e comentar seus textos, porém, como podes observar pelo meu próprio blogue, que não estou tendo mais tempo para participar dos blogues, mas sempre que eu puder e tiver um tempinho, com certeza eu apareço por lá.

    Não vem que não tem PAULINHA!!! Você quer arrumar um bode expiatória para ficar comendo chocolate, pensa que não sei. Kkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  127. PAULINHA 7

    Ok! Pode perguntar que eu respondo....até para ser justo...não podemos ficar somente eu perguntando e você respondendo. Rsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  128. PAULINHA 8

    Respondendo a questão 1:
    Não fui eu quem disse isto, mas antes você.

    Mas, mesmo assim eu te respondo....apesar de que eu já te disse, mesmo sem saber que você me perguntaria isto....hoje, sou agnóstico, não creio como não descreio numa força maior que criou o universo....mas no deus pintado das religiões, nem pensar.


    Respondendo a questão 2:
    Como já respondi...não creio como não descreio, simplesmente não penso e nem mais me preocupo.


    Respondendo a questão 3:
    Concordo tanto que acredito que todo ser humano caminha na linha tênue entre fé e ateísmo.
    Não há um crente, por mais crente que seja, que nunca tenha duvidado da existência de deus, mesmo que seja no inconsciente, e, em contrapartida, não há um ateu que nunca tenha já crido em deus.


    Respondendo a questão 5: (PAULINHA não seria o numero 4? Rsrsrsrs)
    Esta pergunta sua é realmente a melhor de todas, nunca pensei nela, mas de pronto, posso dizer que não tenho controle com tudo que será ensinada ao meu filho, até porque, só damos a base, o resto a própria vida lhe ensinará.

    Mas da minha parte, não o ensinarei, porém, se alguém o ensinar, não falarei nada, até porque ele acredita em papai Noel, fadas, chapeuzinho vermelho, três porquinhos, qual o mal então dele acreditar em deus???

    ResponderExcluir
  129. PAULINHA 9

    Valeu PAULINHA...estou aguardando suas respostas, para continuarmos neste dialogo que esta muito legal.

    ResponderExcluir
  130. GUIOMAR BARBA

    Tomará que o seu filho consiga logo formatar o seu computador.

    Em relação aos casos de pessoas mortas que viram coisas sobrenaturais, a ciência hoje já explica que são fenômenos criados pelo próprio cérebro de pessoas que chegaram num nível de emoção profunda.

    Do mesmo modo que eu não acredito na vida após a morte, mas vez por outra fico na duvida, também lhe digo a mesma coisa, mas o contrario...você que acredita, pense na possibilidade da não existência, o que isto mudaria para você??

    Veja a grande diferença entre o meu pensamento e o seu:

    Eu não acredito na vida após a morte, mas se tiver, não perderei nada, até porque não acredito que deus vá condenar a pessoa a não existência, porque ela não acreditava. Oras, como ele pode condenar em não se crê, se ele mesmo não deixou provas disto??? Pelos menos para a grande maioria.

    Agora partindo da visão clássica cristã – que deve ser a sua, não é mesmo? – se a pessoa viver uma vida influenciada pela crença de céu e inferno, ela fará como deixará de fazer coisas que no fundo ele desejou, só para ir para o céu e conseqüentemente não ir para o inferno, mas digamos que isto não exista, então logo ela perdeu sua vida aqui e agora por um fantasia no além.

    Então sendo sincera, quem você acha que perdeu mais???

    Logo minha não crença, parte principalmente não do provar ou não, mas antes do não se preocupar, dando total ênfase no presente, pois a final de contas, isto é que temos 100% garantido.

    Quanto a suposta revelação que você teve de deus sobre a morte do homem, eu precisaria de mais dados do que ocorreu para uma melhor analise, mas de pronto posso lhe dizer o seguinte: não se é de estranhar que deus tenha falado com você que o homem morreria e porque, e não tenha falado com ele??

    Mais ainda, deus sabia e não fez nada para que não acontecesse??

    O que dizer então de milhões de crianças que morrem sem a ajuda de deus????

    Como ele pode interferir em sua vida e deixar bilhões na mais profunda miséria??

    Este seu deus não seria injusto????


    Lembrando sempre amiga GUIOMAR, que isto aqui é um dialogo altamente reflexivo e não estou de maneira nenhuma te ofendendo.

    Abraços

    ResponderExcluir
  131. Prezado ADORAÇÃO E SANTIDADE (qual é o seu nome?)

    É um imenso prazer ter você por aqui, volte mais vezes, e fique a vontade para expor sua opinião.

    Quanto ao seu testemunho eu lhe pergunto:
    Se deus curou a dor de dente desta criança para provar que a ama, então porque ele não cura justamente as inúmeras crianças com síndromes de donw, as paraplégicas, não acaba com a fome de milhões de crianças que morrem, não impede bebes inocentes de serem estupradas, outras milhões que morrem de acidentes e catástrofes???

    Será porque ele não as ama ou porque o poder dele é limitado podendo curar só uma dor de dente???

    Obrigado por seu amor e consideração pela minha pessoa.

    Abraços e aguardo sua resposta.

    ResponderExcluir
  132. Marcinho,

    Você não percebeu que assinei meu comentário? Este(a) Adoração, me persegue em vários comentários. rsrs

    Quando Jesus foi no tanque de Betesda havia uma multidão de enfermos, Ele se dirigiu a apenas um homem que a 38 anos vivia ali e o curou. Como vamos saber porque Ele não curou a todos, toda resposta a casos semelhantes é especulativa. Não acha?

    Estava no Rio de janeiro, minha cunhada me falou da filha da vizinha, uma criançinha de uns cinco anos que vivia na cama com uma enfermidade que os médicos não descobriam a causa. Entrei na casa da garota, sem nenhuma intenção, apenas curiosa, fiquei comovida, coloquei a mão sobre a cabeça da garota e orei, logo depois ela levantou-se e ficou totalmente curada. Por muitas vezes me aconteceram coisas assim, vai eu saber porque Deus não cura a todos...

    Será que não nos falta algo para continuarmos o ministério dEle?
    Ele falou que crendo nEle, faríamos as mesmas obras dEle e até maiores...

    Marcinho, o garoto não tinha uma dor de dente, ele estava com o rosto muito inchado, mas seja o que fosse, uma cura é sempre bem vinda.

    Agora já sabe que Adoração esteve de entrona, rsrs
    Beijão.

    ResponderExcluir
  133. Olá Marcio,
    "Em relação aos casos de pessoas mortas que viram coisas sobrenaturais, a ciência hoje já explica que são fenômenos criados pelo próprio cérebro de pessoas que chegaram num nível de emoção profunda."

    Quais as ferramentas que a ciência tem usado para provar algo tão subjetivo?

    A ciência tem errado tanto no trato com a psique...

    Buscar-me-eis e me achareis, quando me buscardes e todo o vosso coração.

    Antes de ter a experiência de que Deus é real, eu O buscava, pensava que de todo o coração, mas olhei para dentro de mim querendo realmente conhecer a intensidade da minha procura e descobri o quanto eu estava distante de uma busca sincera. Começei a buscá-Lo então, com todo meu coração, com sinceridade e foi ai que O encontrei de fato e de verdade.

    Qualquer pessoa que queira, poderá comprovar a verdade de que Deus existe. Se alguém quer atribuir a criação a uma explosão "inteligente" jamais vai ver Deus em tudo que foi criado, embora tudo proclame que Ele existe.


    Marcinho,

    Fui criada no evangelho do "Deus tirano". Gostava do convívio com o pessoal da igreja que demonstrava muito amor por nós, os filhos do pastor.
    Cresci, aos 17 anos forçando a barra, que não foi fácil, cai fora da igreja. Eu queria viver o que era "pecado" e o que era pecado também. Cheguei a odiar Deus. Tinha mil questionamentos sem respostas e sem ter com quem abrir o meu coração.
    Aos 23 anos, dei meu grito de independência e sai de casa, fui morar com duas moças em Recife. Eu era a dona do meu nariz, cheguei a nem sequer olhar para dentro de uma igreja evangélica quando passava por alguma. Quebrei todas as regras e zombei de todas as doutrinas recebidas dos meus pais e da igreja.
    No entanto, sempre fui muito inclinada ao mundo espiritual, sempre anelei por algo muito mais além, que nem eu mesma sabia o que era.

    Começei sem obrigações, sem medos, sem ninguém por perto a ler um NT.
    Lembro-me que uma vez pedi a Deus uma prova da existência dEle, e Ele respondeu como eu pedi. Mas não era o suficiente.
    Passei alguns anos querendo descobrir sozinha o mundo que me havia sido vedado.

    Um dia fui a Salvador, a terra que eu amei profundamente e amo. Foi lá que eu tive uma experiência inédita com Deus, muito pessoal, e eu te digo com todo meu coração, uma dia disse a Deus: Eu não te quero, eu amo o pecado.
    Mas Deus me amava mesmo assim e me atraiu a Ele.

    Se eu descobrisse hoje, que não existe eternidade, eu não teria nada de que me arrepender por não haver continuado a viver tudo o que estava vivendo afastada de Deus, apesar de que aquela vida não me decepcionou, não me trouxe amarguras, eu jamais trocaria o que vivo hoje com Deus por aquele bocado que comi longe dEle.
    Esta é a história, você ter convicções inabaláveis sobre seu relacionamento com Deus, e vivenciá-lo não por medo de ir para o inferno. Aliás, é coisa que nunca me lembro é deste tá de inferno rsrs.


    Márcio,

    Eu não tive uma suposta revelação, a coisa foi real e aconteceu.
    Porque Deus não revelou para o dito cujo, ele não me falou, mas porque ele morreu eu sei, não posso te contar, mas fiquei mais impressionada ainda com a sábia justiça de Deus.

    Amigo,

    A família para mim é uma instituição divina, eu junto ao meu marido temos o dever de cuidar, educar e dirigir nossos filhos.

    E todos nós temos o dever de manter este universo saudável. Mas o que fizemos dele? E agora, quanto tempo mais ele vai viver? Ele está ou não agonizando sob os nossos descuidos?

    E agora sentamo-nos no grande tribunal e apontamos o dedo em riste para Deus, culpando-o pelos nossos erros? Esta história parece que se repete desde a criação do homem...

    ´Querido, eu amo a Deus e tenho motivos para continuar amando-O e sei que todos quantos queiram terão tantos motivos ou "mais que eu" para amá-LO. Eu não sou ciumenta. rsrs

    Fica tranquilo quanto ao diálogo, eu amo as opiniões antagônicas e elas não separam amigos maduros e verdadeiros. Você tem me ensinado muitoooo.
    Um beijão.

    ResponderExcluir
  134. GUIOMAR BARBA 1

    Não me dei conta de que “adoração e santidade” era você. Rsrsrsrsrs

    Não dá para acreditar GUIOMAR que a fé seja uma pilha dureceu que nós colocamos em deus para fazê-lo funcionar.....como se o sofrimento por si só não fosse suficiente para tocar no “coração” de deus para fazê-lo agir.....você consegue imaginar GUIOMAR, uma mãe desesperada chorando por seu filho na U.T.I entre a vida e a morte.....orando a deus com fé – pois só pelo simples ato de orar já pressupõe fé naquela determinada pessoa – e deus de braços cruzados dizendo “precisa de mais fé...sua fé ainda esta pequena....um pouco mais se não eu não curo seu filho”?

    Este deus não é malvado e brincalhão?
    Então GUIOMAR, não dá para acreditar que deus cura uns poucos e deixa a esmagadora maioria “a ver navios” deixados “a própria sorte”......ou deus cura todo mundo ou não cura ninguém.....então logo eu não acredito que deus cure alguém.....somos todos iguais, todos “pecadores”, seria injustiça, deus privilegiar alguns, seja lá qual a explicação, para deixar a maioria sem nada.

    A não ser que o seu deus seja tribal......que só cure crente que ora com fé.....e os outros testemunhos de curas, como no espiritismo, seja o diabo...pois se for o diabo, eu vou te dizer...que diabinho mais bondoso que cura as pessoas e deus seria então malvado e interesseiro, pois só cura os “bons” (que tem fé e é crente).

    Lamento se você acredita assim, embora eu respeite, mas você precisaria olhar para o mundo e contemplar o seu sofrimento....se um é curado no meio de cem, oras, qual dos dois serve como base para atestar se deus opera ou não??

    O um é usado como troféu para atestar que deus operou, mas os outros 99 não serve como parâmetro para dizer que deus não opera????

    Abraços

    ResponderExcluir
  135. GUIOMAR BARBA 2

    Eu também tenho minha experiência de observar os mecanismos evangélicos para se operar uma cura.....no geral, ora na igreja, como muito mais fervor por aqueles milagres plausíveis, que podem ocorrer com maior probabilidade, mesmo que o “fiel” não orasse, como emprego, cura de dor de dente, dor de cabeça e outras coisas mais, digamos medíocre........como posso acreditar que deus, por exemplo, fez um presbítero da minha ex-igreja achar sua carteira perdida, porque ele orou com fé, e não livrou 285.000 pessoas, eu disse 285.000 pessoas no tsunami Asiatico em 2004.

    Será que neste dia, deus estava muito ocupado livrando crentes de assaltos, curando outros de dores de cabeça, estomago, dente, braço e nariz, que não pode livra aquelas pessoas que morreram, eu disse morreram no tsunami, para operar esses milagres medíocres????

    Fracamente GUIOMAR, se deus fosse mesmo intervir na vida humana, você não acha que ele deveria fazer coisas maiores e mais significativas – como parar um tsunami e salvar de uma só vez, milhares de pessoas – ao invés de fazer milagres que parecem mais bingos, pois só premia alguns poucos sortudos, e menos necessitados???

    ResponderExcluir
  136. GUIOMAR BARBA 3

    Sua fala: “Porque Deus não revelou para o dito cujo, ele não me falou, mas porque ele morreu eu sei, não posso te contar, mas fiquei mais impressionada ainda com a sábia justiça de Deus”.

    Minha resposta: Coloquei esta sua frase, porque ela dá a entender que deus tirou a vida deste homem, e você ficou impressionada com a “sábia” “justiça” de “deus”.

    Porque se assim for realmente, deus decidindo que horas nós vamos morrer, porque então ele não faz um bem pelos menos para a humanidade, matando todos os estupradores e assassinos do mundo???

    Agora pense no seguinte: Deus tirou a vida deste homem, seja lá qual seja os motivos, agora pense na esposa e filhos deste homem....imagine o sofrimento,..então quer dizer que além de deus não curar a todos, ele ainda tira a vida de alguns???

    Deus causa sofrimento na vida das pessoas???
    Deus então seria cruel demais, você não acha???

    GUIOMAR, seja lá qual for os motivos “justos” que deus teve para tirar a vida deste homem, ele também tem motivos para tirar a vida de muitos, se não todos, então para ele ser justo, ou ele acaba com toda raça humana, ou então ele deixa viver todos, você não acha???

    Ainda bem que você não se importa com os debates que levantamos aqui, pois o nosso intuito e levar as pessoas a uma profunda reflexão.

    Abraços

    ResponderExcluir
  137. Oi Marcinho,
    Eu não disse a você que orei com fé pelo menino do dente inchado, nem tão pouco pela menina aliás, era coisa que eu não tinha naquelas horas. Nem sempre recebemos as coisas porque oramos com fé.

    Quanto ao homem, Deus não tirou a vida dele, mas não impediu sua morte, só posso te assegurar que a esposa dele não teve porque chorar, nem os filhos.

    A família para mim é uma instituição divina, eu junto ao meu marido temos o dever de cuidar, educar e dirigir nossos filhos.

    E todos nós temos o dever de manter este universo saudável. Mas o que fizemos dele? E agora, quanto tempo mais ele vai viver? Ele está ou não agonizando sob os nossos descuidos?

    E agora sentamo-nos no grande tribunal e apontamos o dedo em riste para Deus, culpando-o pelos nossos erros? Esta história parece que se repete desde a criação do homem...

    Beijão.

    ResponderExcluir
  138. GUIOMAR

    Você não respondeu meus questionamentos acima...pelo menos não de maneira satisfatória.....se não recebemos por causa da fé, qual seria então o critério do seu deus para intervir livrando ou curando alguns poucos, para deixar bilhões na própria miséria????

    Ou deus é limitado...ou na verdade estes milagres quando livramentos não passam de acaso, e quando são curas não passam de processos naturais de reação do próprio organismo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  139. MARCINHO (Introdução)

    Finalmente voltei para dar as minhas n-tréplicas ..rs..

    Desculpe pela demora. Mas é que estava me situando no ambiente atual, pois estou pior que cigana, cada semana ou fim de semana estou num lugar diferente...kkkk....

    Mas vamos lá....estou adorando "trocar umas idéias" com você...aliás, que dia vamos conversar pessoalmente novamente?! Aquele dia só o Edson e você falaram sem dar um stop...kkk

    ResponderExcluir
  140. MARCINHO 1

    SUA FALA:

    "Desculpe-me PAULINHA, mas esta sua fé de que o milagre poderá chegar amanhã, ela não é cega??"

    MINHA FALA:

    Particularmente, já passei muito tempo da minha vida sonhando com milagres. Hoje não os eliminino, ou seja, não elimino suas existências...embora nunca tenha presenciado um diante os meus olhos. Talvez seja porque a minha fé, ainda é um tanto "cega" no sentido de mesmo nunca ter visto uma coisa acontecer, ainda creio que um dia possa vir a acontecer.
    Mas não que eu viva OBSESSIVAMENTE sonhando com a chegada deles.

    Mas não considero HOJE, a minha fé tão cega a ponto de ser doentia....e muito menos fico esperando por milagres. Pois eles vindo ou não vindo, eu preciso viver e controlar toda a minha vida, pois sei que ela está nas minhas mãos. Tudo o que eu fizer, depende apenas de mim, seu eu errar, o erro é meu...se eu fracassar, o fracasso é meu...se eu vencer, a vitória é minha....porque preciso viver sonhando, se posso viver acordada?! Afinal, ninguém disse que a vida seria um mar de rosas...e muito menas repletas de milagres para quem quiser apanhá-los, como se apanha um fruto de uma árvore.

    SUA FALA:

    "Como você pode dizer que a fé de uma pessoa em uma imagem de escultura é cega, e a sua no milagre é saudável, se as duas são nutridas pela esperança do sobrenatural?"

    MINHA FALA:

    Não me lembro de ter dito que a minha fé em um tal milagre é "saudável", mas já que diz, eu devo ter dito em algum lugar né...kkkk...

    Não considero uma fé saudável, quando se crê numa imagem de barro. Mas também não considero saudável, viver 24 horas na dependência de um milagre (que tanto pode vir, como pode não vir).

    A fé, na minha opinião, pode existir...e pode ser saudável...ao ponto em que não viva obsessivamente dependente de algo que está fora do nosso contexto.

    Mas crer, de forma moderada, sem dependências...isto é relevável e natural de se acontecer.

    Pois a fé, na minha opinião, se emprega no instinto humano, assim como o desejo.

    E hoje eu não dependo de milagres, para viver a minha vida....posso passar 100 anos, se eles não chegarem, pra mim tanto faz.

    SUA FALA:

    "PAULINHA, você não acha que tanto a fé das pessoas numa imagem, quanto a sua, não passam de criações mentais?"

    MINHA FALA:

    Sim. Eu já lhe citei muitas vezes, não sei se você notou...mas para mim, a fé está na mente das pessoas. O que as fazem crer em algo que não se pode provar a existência?! A própria mente delas, cria uma identidade...uma imagem...uma existência.....

    POis, qual o tipo de deus que você crê?! Creio que não é no mesmo tipo de deus que eu creio...porque deus, até então, está na mente de cada um, e digo isto, pois ele está fora da percepção humana...e ninguém até o viu, para finalmente crer-se neste deus visto.

    Então, as pessoas creem num deus pensado...imaginado....e a fé parte da mente, assim como a imagem deste deus, parte da mente de cada um.

    Com palavras ditas, é mais fácil de explicar do que com palavras escritas...rsrs....

    ResponderExcluir
  141. MARCINHO 2

    SUA FALA:

    SOBRE A BÍBLIA...
    "Minha resposta: Então eu não entendo como ela pode ser considerada ainda de deus...como???"

    MINHA FALA:

    NEM EU. MAS NÃO FOI DEUS QUEM A ESCREVEU, SÓ TENHO CERTEZA DISTO. KKKKK....

    SUA FALA:

    "Sua fala: “Ele não DEVERIA nos amar porque nos ensina amar. Isto não tem coerência”.

    Minha resposta: Mas como não tem??? Então para que ele nos ensinaria a amar, se ele mesmo não ama?? Então porque você escreveu este versículo no seu comentário anterior: “Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor"."

    MINHA FALA:

    NA MINHA OPINIÃO, ELE NOS AMA. MAS O SIMPLES FATO DE ELE ENSINAR AMOR, NÃO PROVA O SEU AMOR. POIS TEM COMO PROVAR QUE DEUS É DEUS DE AMOR?! SEJAMOS BEM LÓGICOS EM ASSUMIR QUE NÃO.

    ATÉ ENTÃO, O AMOR DESTE DEUS ESTÁ EM NOSSOS PENSAMENTOS E NAS PALAVRAS BÍBLICAS.

    NINGUÉM SABE AO CERTO, QUAL SENTIMENTO PREDOMINA O CORAÇÃO DESTE DEUS.

    POSSO IMAGINAR AMOR, POSSO IMAGINAR ÓDIO....TUDO O QUE EU DISSER, OU VOCÊ DISSER, SERÃO APENAS TEORIAS GERADAS POR NOSSOS PENSAMENTOS.

    SUA FALA:

    "Se você não acredita nisto, porque então você escreveu o versiculo bíblico acima???"

    MINHA FALA:

    ESCREVI, POIS CREIO QUE DEUS É UM DEUS DE AMOR.

    SE EU CRÊ QUE ESTE DEUS NÃO É DE AMOR, COM CERTEZA, ESTAS LINHAS NEM TERIAM APARECIDO AQUI. RS...

    ResponderExcluir
  142. MARCINHO 4

    TODO ESTE SEU COMENTÁRIO FAZ SENTIDO. E CONCORDO COM A SUA COLOCAÇÃO.

    MAS...
    QUANTO À SUA PERGUNTA:

    "Se você não tem certeza de que deus já ajudou alguém, como nutrir ainda esperanças de que ele vai te ajudar???"

    MINHA RESPOSTA:

    SINCERAMENTE, É MAIS CÔMODO PARA MIM, PENSAR QUE EXISTE UM DEUS OLHANDO POR MIM, E QUE ELE PODE ME SOCORRER NUM MOMENTO DE DESESPERO...MESMO QUE ISTO NÃO VENHA A ACONTECER.

    MAS AINDA TENHO UM POUCO DE DEPENDÊNCIA AMIGO....TALVEZ PORQUE NUNCA ME ENSINARAM A SER FORTE, E SEMPRE ME ENSINARAM, QUE SE ALGO ESTAVA DANDO ERRADO, É POR FALTA DE DEUS...

    HOJE ESTOU LUTANDO CONTRA MEUS PRÓPRIOS PENSAMENTOS....CONFESSO QUE MUITAS COISAS ESTOU PENSANDO COMO NÃO PENSAVA ANTES...MAS A DEPENDÊNCIA, A CARÊNCIA...A FRAQUEZA ME PERSEGUE DE VEZ EM QUANDO.....

    ResponderExcluir
  143. ERRATA: MARCINHO 3

    O próximo vai ser 4......kkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  144. MARCINHO 4

    Volteiii...se você reparar na demora deste outro comentário, é porque eu tive que parar por uma causa importantíssima...estava falando ao telefone com o meu pretinho!! kkkk...que lindoooo ele...rs....

    Vamos rumo ao penta-comentário....

    ResponderExcluir
  145. MARCINHO 5

    Hahahahaaaaaaaaaaaaaa....

    As duas Paulinhas estão certas....pois mesmo sendo fundamentalista tenho fragmentos de pensamento ateu, pois continuo com a minha tese de que mesmo o crente mais crente deste mundo, quando ele pensa na possibilidade de que este deus pode não existir, ele adota um pensamento ateu.

    Isto é racional.

    ResponderExcluir
  146. MARCINHO 6

    Quanto aos últimos comentários...não há o que replicar...

    Mas quanto às suas respostas às minhas questões, você me surpreendeu...não poderia ter melhores respostas.

    Não sei, mas estou duvidando que estou concordando muito com você, como eu Paulinha poderia concordar tanto com você Marcinho?! Já sei ocorreu algum "feitiço" só pode...kkkkkkkkkkkk.......

    Nossa...que coisa interessante...no meu quinto comentário, eu falei exatamente como você disse no seu oitavo comentário, e olha que estou lendo conforme a ordem, e respondendo um a um para não me deixar influenciar...ou seja, antes de ler o que você tinha escrito, eu já escrevi sem lê-lo.....isto é uma prova da sua influência....kkkkkkkkk...mas estou amando estas novas experiências que estou aprendendo com você e com os demais confraternos e com o Edson.

    Veja como se assimilam as falas...rs..

    Minha fala (Marcinho 5)

    "..pois continuo com a minha tese de que mesmo o crente mais crente deste mundo, quando ele pensa na possibilidade de que este deus pode não existir, ele adota um pensamento ateu".


    Sua fala (Paulinha 8 - Questão 3):

    "Concordo tanto que acredito que todo ser humano caminha na linha tênue entre fé e ateísmo.
    Não há um crente, por mais crente que seja, que nunca tenha duvidado da existência de deus, mesmo que seja no inconsciente, e, em contrapartida, não há um ateu que nunca tenha já crido em deus".

    :P

    ResponderExcluir
  147. MARCINHO 7

    Obrigada pela atenção...compreensão....e estou de prontidão a conversar muito com você, no intuito não só de debater, mas ambos caminharmos para um mundo de transformações que serão geradas na troca de conhecimentos e reconhecimentos dos pensamentos alheios.

    Obrigada.

    Beijos meu amigo e cunhado. rs.

    ResponderExcluir
  148. Os israelitas da época de Moises criaram uma teocracia paralela regada a um tipo "sexo, droga e rock and rool" um bezerrinho de ouro que nem mugia, mas trazia a magia da deturpação. Hoje, nosso tempo, sem Israel, sem Moises, sem bezerros, caminha-se eloqüentemente por esse deserto ocidental confeccionando aos poucos um andor para uma besta (uma besta quadrada), a saber: "Nietzsche" o bezerrão dos moderninhos.

    ResponderExcluir
  149. PAULINHA

    Desculpe-me, mais ainda estou sem tempo para continuarmos nosso debate....porém, tenha um pouquinho de paciência, que assim que tiver um tempinho eu irei responder a todos os seus comentários.

    ResponderExcluir
  150. RODRIGO

    Gostaria que você fosse menos evasivo e mais claro e simples em seus comentários, como por exemplo, neste seu comentário, o que você esta querendo dizer??

    ResponderExcluir
  151. Tudo bem meu amigo,

    Não se preocupe...assim que você puder comentar, daremos continuidade....

    Muita calma nesta hora...rs..

    Beijo.

    ResponderExcluir
  152. PAULINHA (introdução)

    Eu também estou gostando muito de nosso debate em “off”.....só nós dois. Rsrsrrrsrs

    Não vem pra cima de mim não! Foi o Edson que não parava de falar um minuto sem quer.....eu até estranhei seu comportamento, pois imaginava que você e não ele é que fala que nem uma metralhadora. Rsrrsrsrs

    ResponderExcluir
  153. PAULINHA 1

    Se você nunca viu um milagre acontecer, como podes ainda alimentar a chama da esperança de que ele venha algum dia acontecer?

    Ora PAULINHA, mesmo que 1 entre 100 situações, tivesse ocorrido o tal do milagre, você não acha que os 99 deveriam atestar que o milagre não existe e não o contrario.....só por causa de um 1???

    Ainda mais quando você diz que nunca viu um milagre acontecer o que eliminaria e constataria ainda mais que o milagre não existe.

    Não é que você tenha dito explicitamente que a sua fé no milagre era saudável, mas antes foi implicitamente, ou seja, por você ter dito que a fé dos outros nas imagens era doentia, já pressupõe que você achava que a sua fé no milagre era saudável, entendeu? Rsrsrsrsrs

    Mas qual a diferença PAULINHA de se crer em uma imagem para se crer em milagre?
    As duas são esperanças depositadas no mundo sobrenatural e, por tanto estão fora da realidade humana.

    Agora em relação a sua explicação da fé em deus depender da concepção que nutrimos dele, concordo plenamente e nada portanto a objetar.

    ResponderExcluir
  154. PAULINHA 2

    Apesar de você dizer que não foi logicamente deus quem escreveu a bíblia, você ainda crer que ela veio dele???

    Então assim sendo PAULINHA, se não tem como provar que deus ama através da bíblia, porque então você a usou para provar que deus ensina amar????

    Agora sim você esta ou sendo incoerente ou se perdendo nos comentários seus anteriores.....pensa que eu não dei uma re-lida nos mesmos??? Kkkkkkkkkkkkkkkkk

    Mesmo assim você insiste em crer que deus é amor...eu lhe pergunto porque????
    Quais são os motivos, evidencias ou provas que te fazem ainda crer no amor de deus????

    ResponderExcluir
  155. PAULINHA 3 (é 3 viu, e não 4 como você colocou....rsrsrsrs)

    Ah...você não pode concordar com todo o meu comentário, pois se não, não tem graça. Rsrsrsrsrsr

    Vou tentar te ajudar através da psicanálise. Rsrsrsrsr

    Este seu desejo e conseqüentemente fé e carência num deus super protetor é o que a psicanálise vai explicar que o maior desejo humano é de ser desejado, sendo assim, criamos numa espécie de mecanismo de defesa contra o não ser desejado, uma imagem de um deus que nos ama e cuida de nós, pense comigo......quem no universo inteiro seria a pessoa que nós desejaríamos mais que nós desejasse????

    A resposta obvia é deus......então você precisaria canalizar este seus desejos em outra pessoa ou pessoas, e não ficar nutrindo um desejo desesperado por um ser fora de nossa realidade física, apenas fantasiosa de que esta cuidando de nós.

    ResponderExcluir
  156. PAULINHA

    Ainda bem que você mesmo percebeu o erro da numeração. Rsrsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  157. PAULINHA 4

    Eu também vou dar uma paradinha agora, porque vou tomar café....depois continuo. Rsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  158. Pronto...voltei...demorei muito ou não? rsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  159. PAULINHA 5

    Neste ponto também concordo contigo.....porém, dificilmente conseguiremos manter equilibrados tais sentimentos, porque um irá suprimir mais o outro....se o crente de vez enquanto lhe assalta pensamentos ateus, logo que chega ele vai tratando de os reprimir através de sua fé, e o contrario também é verdadeiro, portanto, ninguém conseguirá sustentar ao mesmo tempo, e, no mesmo nível, sempre teremos predominando em nós um o outro.

    ResponderExcluir
  160. PAULINHA 6

    Como assim não há o que replicar??? Ah não, podes voltar aqui e discordar de mim. Rsrsrsrsrssr

    Você concorda em partes comigo e isto é natural, pois algumas coisas para você já começam a fazer sentido.

    Eu também estou fazendo isto....na medida em que vou lendo já vou logo também comentando.

    ResponderExcluir
  161. PAULINHA 7

    Eu que sinceramente lhe agradeço...poderia ser bem melhor e com maior qualidade, mas é que não dá devido ao meu serviço, mesmo assim, apesar de que estou escrevendo na correria sem pensar muito, mas valeu, ficou legal este nosso debate.

    Abraços

    ResponderExcluir
  162. MARCINHO meu amigo..

    Estou adorando este debate em "OFF" entre nós dois...kkkkkkk....assim ninguém interfere no seu pensamento e ninguém interfere nos meus pensamentos....hahahaaaaaaaa...

    Li todas suas réplicas, só peço um tempinhoo...e eu voltarei para respondê-los....

    Hoje fiz uns últimos comentários que estavam pendentes, mas preciso me desconectar um pouco do computador...e dar um pouco mais de atenção à minha mãe, pois logo estou voltando para Campinas......

    Não sei quando aparecerei..mas eu voltarei!!
    Beijos...

    ResponderExcluir
  163. MARCINHO (Introdução)

    Realmente era eu que tinha que falar como metralhadora, por ser professora...mas acho que estou numa nova fase, a de ouvir mais...e refletir mais......falar pelo cotovelos, só na sala...porque não tem escapatória....

    Creio que já falei muito, mas eis agora uma nova fase, onde preciso aprender mais...colher mais, para então finalmente, um dia voltar a metralhar....kkkkkkk

    Deixa o Edson metralhar bastante, ele tem compulsão por isto...e eu fico só na minha, ouvindo...e refletindo. rs...

    Lembrei-me até desta frase:
    "Homem calado, tome cuidado". kkk..

    Estou só na reflexãoooo.....hahah....

    Vejamos, você acredita que o Edson começou no primeiro dia de aula, já debatendo com o professor...coitado do professor, vai passar noites em claro, com medo do Edson questioná-lo tanto a ponto de deixá-lo encurralado...

    Daqui uns dias, a Dona Iris vai ser até convocada na escola, porque o Edson está deixando o prefessor com a impressão de "estar ouvindo vozes durante a noite"...kkkkkkkkkkk....

    Hahahahaaa....como eu me divirto!! rs...

    ResponderExcluir
  164. MARCINHO 1

    SUA FALA:

    "Se você nunca viu um milagre acontecer, como podes ainda alimentar a chama da esperança de que ele venha algum dia acontecer?"

    MINHA FALA:

    Ahhh!! Ninguém nunca viu Deus...e como podem alimentar a chama da esperança de que ele venha algum dia existir?!

    Simplesmente alimentamos esperanças, por instinto humano. A esperança está no ser, assim como o desejo.

    Sem querer desejamos algo..

    Sem querer criamos esperanças...

    O homem deseja a mulher, a mulher deseja o homem (desejos incontroláveis);

    A criança tem esperança de um dia ir ao "Walt Disney" ver o Pateta..o Pato Donald...porque na mente deles, este seres são reais e muito legais.....(desejo de esperança incontrolável)

    E pelo desejo na esperança de obter-se algo...é que alimentamos "coisas" às vezes inexistentes ou existentes.

    Não temos como fugir da esperança. Ou vai me dizer que você não tem esperança de ganhar na Mega-Sena??! hahaa.....

    A esperança é alimentada..e com ela, é alimentado coisas que queremos alimentar, mesmo que um dia, estas tais coisas não venha acontecer ou que não seja real.

    Ás vezes tenho esperança...por livre e espontânea atuação...ela surge.....mas não é nada que me faça viver uma vida de só esperanças, flutuando para longe da realidade.

    Ter esperança é benéfico à saúde de vez em quando...rs...

    [continua]...

    ResponderExcluir
  165. [continuando]...MARCINHO 1

    SUA FALA:

    "Ora PAULINHA, mesmo que 1 entre 100 situações, tivesse ocorrido o tal do milagre, você não acha que os 99 deveriam atestar que o milagre não existe e não o contrario.....só por causa de um 1???"

    MINHA FALA:

    Mas como as 99 pessoas podem atestar que o milagre não existe, se vierem a ver acontecer o milagre com 1 pessoa??

    Se algo não existe, não existe pra 1 nem pra mil...

    As 99 pessoas, se verem o milagre de 1 pessoa, não podem atestar a inexistência do milagre...mas somente, se ele não acontecer entre as 100 pessoas....

    Eu particularmente, embora alimente, às vezes (porque já está entrando em escasses) uma esperança de milagre, concluo que milagre-milagre não existe, pelo menos para mim, pois eu nunca vi um milagre acontecer em frente aos meus olhos. O dia que um milagre-milagre acontecer, e eu ver feito São Tomé, ali na minha frente o ato sendo realizado e concretizado....então direi: O milagre existe!

    Até então, ele existe (às vezes) em alguma esperança que alimento em minha mente.


    SUA FALA:

    "Mas qual a diferença PAULINHA de se crer em uma imagem para se crer em milagre?
    As duas são esperanças depositadas no mundo sobrenatural e, por tanto estão fora da realidade humana".

    MINHA FALA:

    Concordo. Não existe diferença nenhuma. Ambas crenças são executadas em cima de coisas sobrenaturais...ou literalmente fora do nosso contexto.

    Por isto, já não vivo pensando em milagres...pois nunca aconteceu....e muito menos creio em imagens.

    SUA FALA:

    "Agora em relação a sua explicação da fé em deus depender da concepção que nutrimos dele, concordo plenamente e nada portanto a objetar".

    MINHA FALA:

    Como assim?? concorda?? pode voltar aqui e discordar....RSsssss.........

    ResponderExcluir
  166. MARCINHO 2

    SUA FALA:

    "Apesar de você dizer que não foi logicamente deus quem escreveu a bíblia, você ainda crer que ela veio dele???"

    MINHA FALA:

    MY GOD! Me abiduz!!! rsrs....

    Eu creio, não que a bíblia veio dEle...mas creio, que através do homem que Jesus foi, é que conseguimos extrair a bíblia e consequentemente, seus exemplos e ensinamentos.

    Se não tivesse Jesus, não teria estorias...nem parábolas...nem mitos....

    Mesmo que "criaram" Jesus, ainda "criaram" com o intuito de absorver e fazer transcender conselhos ...exemplos...

    SUA FALA:

    "Então assim sendo PAULINHA, se não tem como provar que deus ama através da bíblia, porque então você a usou para provar que deus ensina amar????"

    MINHA FALA:

    Eu creio que a bíblia é pouco para provar a existência ou inexistência do amor de um deus que está além da nossa percepção.

    Apenas a usei para mostrar um fragmento de amor, que o livro nos prega. Mas através dele, não posso ter idéias convictas de nada.

    SUA FALA:

    "Mesmo assim você insiste em crer que deus é amor...eu lhe pergunto porque????"

    MINHA FALA:

    Eu prefiro crer que deus é amor, do que deus é ódio...kkkkkkkkkkk.....ahh não tem nem um mal nisto, ou tem??!! rs..

    Liberdade é pensar...

    SUA FALA:

    "Quais são os motivos, evidencias ou provas que te fazem ainda crer no amor de deus????"

    MINHA FALA:

    Motivo - Ensinamento bíblico (embora seja um material pouco convicto);

    Evidência - De que este deus ainda existe, é dono de toda criação...e por nos presentear com belíssima criação (chamada VIDA)..me dá a intenção e vestígios da presença de amor;

    PROVAS - NENHUMA!

    Minha Santa Gertrudes!! Esta parte foi como descer de cipó na mata amazônica cheia de cobras esperando para me picar...hahahah...

    QUE TENSÃO!!

    ResponderExcluir
  167. MARCINHO 3

    SUA FALA:

    "[...] você precisaria canalizar este seus desejos em outra pessoa ou pessoas"..

    MINHA FALA:

    Ahh! por enquanto não encontrei a pessoa certa para canalizar o meu desejo de proteção...kkk...

    Então qual é a alternativa que me sobra??!!

    Eu mesma?! Acertei?!. rs...

    Preciso encontrar forças em mim mesma, e reconhecer que sou capaz...ao invés de ficar esperando e esperando ...é isto né??..

    ResponderExcluir
  168. MARCINHO 4

    Você tomou café em menos de 10 minutos...ou seja, em 9 minutos exatamente....Parabéns! mas você precisa comer mais devagar, até mesmo porque o nosso cérebro demora cerca de 20 minutos para registrar o alimento consumido por nós....


    se fosse eu, demoraria uma meia hora...pois até comer dois pães, tomar café...e depois leite com café...ahhhh...ia estender até o almoço eu acho....kkkkkkkkkkkkk.....

    Pensa que pra manter esta cinturinha de "quibe" vai pouca comida??! hahaaaaaaaaaaaaa...

    ResponderExcluir
  169. MARCINHO 5, 6 e 7

    Então fica assim! rs...

    Ambos concordamos um com o outro....e já nos identificamos neste últimos comentários, pois realmente, muito diferente de quando o conheci, hoje muitos dos seus pensamentos já fazem sentido aos meus pensamentos. O que me dá flexibilidade e experiência para debater, concordar e aceitar muitas colocações suas, que embora "sejam o choque da realidade"...mas não deixam de fazer sentido.

    Obrigada pela paciência.

    Vou cutucá-lo para um novo debate, numa nova postagem sua...pois depois das suas últimas réplicas aqui...creio que já será o início do "the end"...haha..

    Foi muito bom nosso debate em "off"...

    Mas agora vou tomar banho, pois suei até a alma...kkkkkkkk

    Abraços meu amigo, irmão e cunhado que admiro cada dia mais.

    ResponderExcluir
  170. PAULINHA

    Agora não poderei responder aos seus comentários, pois estou aqui no serviço, mas amanhã de manha eu prometo que vou tentar responder ao todos os seus comentários.

    ResponderExcluir

Deixe a sua opinião.

Mesmo que você não concorde com nossos pensamentos, participe comentando esta postagem.
Sinta-se a vontade para concordar ou discordar de nossos argumentos, pois o nosso intuito é levá-lo à reflexão!

Todos os comentários aqui postados serão respondidos!